Tendências de beleza

Após o verão, tendência dos tons pastel se confirma e continua no inverno

Getty Images
Sombras em tons pastel imagem: Getty Images

Mariana Pastore

Do UOL, em São Paulo

Depois que marcas poderosas, como Louis Vuitton e Chanel, resgataram a estética delicada e feminina dos anos 50 nas passarelas, a procura por tons pastel aumentou. E como a moda e a beleza andam lado a lado, a onda de cores clarinhas na maquiagem e nas unhas se espalhou mais rápido. Em março, a Dolce & Gabbana anunciou uma coleção de esmaltes inteirinha nessas cores.

Apesar de combinarem mais com o verão, essas cores continuam em evidência no inverno brasileiro, disputando espaço com as metálicas, grande sensação das semanas de moda no país.

“Acho que vai acontecer um resgate desses tons clarinhos do verão. Quando a tendência é forte o suficiente, nunca fica apenas em uma estação”, afirma o maquiador Duda Molinos em entrevista ao UOL.

Celso Kamura, o maquiador preferido de presidente Dilma Rousseff, também considera que os tons pastel e o nude são uma confirmação da tendência da última coleção.

Para ele, produtos nas cores pasteladas realçam a beleza da mulher sem colorir, com muito jogo de luz e sombra, principalmente na maquiagem.

“Defino essas mulheres como ‘classudas’, que gostam de qualidade e não querem aparecer tanto, com uma coloração que sempre lembra o natural”, diz Celso.

As mulheres que querem destacar o make clarinho podem misturá-lo com cores escuras ou cintilantes para dar contraste, segundo Duda, como uma sombra verde água combinada com delineador e rímel pretos, por exemplo.

“A mulher fica pouco maquiada com essas cores. Elas dão uma imagem mais romântica e delicada, que pode ser contrastada com rímel, delineador, etc. As mais peruas precisam de um contraponto”, afirma. “Quando a gente pensa em tom pastel, pensa logo em tom mate, mas eu acho que eles podem ser de uma textura cintilante, como um metalizado esverdeado ou azulado.”

O maquiador diz acreditar que esse ano vai surgir uma nova gama de clarinhos, com tons de bege, rosados, amarelados e azulados.

Já nas mãos das mulheres, os esmaltes em tons pastel não são novidade e, ao lado dos branquinhos e vermelhos, figuram entres os clássicos, segundo Roberta Resende, dona do salão paulistano Unhas e Cores.

“Rosinha, azulzinho, nude e outros clarinhos nunca saem de moda. Em qualquer estação eles saem muito, são a maior demanda do salão”, conta a empresária.

Topo