Beleza

Esteticistas revelam os tratamentos das famosas para a noite do Oscar

Getty Images
Famosas como Naomi Watts, Jessica Chastain e Anne Hathaway se submetem a tratamentos estéticos para cruzar o tapete vermelho do Oscar com a pele radiante imagem: Getty Images

Bee-Shyuan Chang

The New York Times

Com todo o tumulto acerca de vestidos e jóias, um elemento dos preparativos para o Oscar sempre passa despercebido. Nas suítes dos hotéis, casas e consultórios médicos por toda Los Angeles, esteticistas e dermatologistas estão manuseando aparelhos de micro corrente, pistolas de oxigênio e aparelhos de raio laser, em um esforço coletivo para apresentar peles luminosas e sem poros aparentes às câmeras de alta definição neste domingo. 

“É cruel”, disse a esteticista Nichola Joss a respeito dos closes de câmera na temporada de premiações de suas clientes, entre elas Keira Knightley, Anne Hathaway, Sienna Miller e Jessica Chastain. “Você enxerga o folículo. Você consegue ver uma espinha antes mesmo de ela virar espinha.”

Então Joss, que mora em Londres, está voando de um continente a outro para montar uma central de estética britânica temporária, reunindo o Spa Sanctuary em Covent Garden e Fiona Locke, uma perita em bronzeamento de St. Tropez, no hotel Four Seasons Beverly Hills. “Eu faço tratamentos para a pele das costas também”, disse Joss. “Costumo trabalhar com base no que elas vão vestir.”

Ela disse que a pele perfeita é mais importante que nunca nesta temporada, e ressalta os visuais frescos e clean de Sienna Miller e Olivia Munn no Globo de Ouro.

A procura por tratamentos de pele antes do Oscar atingiu níveis febris, com muitos esteticistas fazendo ponte aérea entre Nova York e Los Angeles para suprir a demanda.

O Dr. David Colbert, dermatologista que zela pelas peles branquinhas de Naomi Watts e Rachel Weisz, e Tracie Martyn, a esteticista de Kate Winslet, Jennifer Connelly e Rachel Zoe, viajam dias antes (ambos estão sediados na região de Flatiron). Eles disputam clientes célebres com experts de Los Angeles como Ole Henriksen, Kate Sommerville e Michelle Peck, sendo que alguns deles acabaram de voltar para casa, depois do trabalho realizado na semana de moda de Nova York.

Colbert, veterano do circuito do Oscars já há seis anos, disse que este ano resolveu alugar um consultório temporário em Beverly Hills (ele também atende em domicílio se solicitado) e está em vias de montar um spa médico permanentemente em Los Angeles. Um mês antes da premiação, sua agenda já estava lotada, com 75 consultas marcadas, disse ele, mesmo que seu tratamento Triad Medical, de 30 minutos  - composto por microdermoabrasão, tonificação a laser e peeling químico - não saia por menos de US$800 a sessão.    

“Você acaba conhecendo gente ao longo dos anos”, disse. “Os atores meio que se conhecem e conversam sobre isso entre si. É um modo multifacetado de construir sua reputação.”

Martyn, que tem fortes laços com o mundo da moda (Diane von Furstenberg e a estilista de Hollywood Kate Young passaram com ela), também acha que o tempo na estrada, de casa para o trabalho, vale a pena. “Isso aumentou muito minha clientela”, ela disse. Atores e atrizes costumam marcar na última hora tratamentos como o Tratamento Facial do Tapete Vermelho (que começa em US$450) mas sabem onde encontrá-la: ela tem viajado para Los Angeles nos últimos dez anos, quatro dos quais hospedada em uma suíte no hotel Le Park Suite, transformado em sala de tratamento estético. Ela gosta do local porque não fica em um dos grandes hotéis como o Four Seasons ou o Chateau Marmont, “onde é simplesmente impossível até mesmo chegar com o carro”, conta.  

Como Colbert, Martyn aplica seus cuidados para a pele com eficiência nova-iorquina. Ela antecipou cerca de 30 sessões de uma hora de duração, e junto com sua marca registrada de drenagem linfática facial, ela realiza tratamentos modeladores nos braços, nos glúteos, na barriga e nas pernas. “É uma questão de firmar e levantar tudo”, ela afirma.

A competição local parece seguir de maneira mais branda. Somerville, que cuida da pele de Amanda Seyfried, Helen Mirren e Kristen Bell, geralmente passa de duas a três horas com cada cliente famosa porque “elas costumam fazer cerca de três tratamentos diferentes por sessão”. 

Por exemplo, muitas celebridades vão agendar tonificação a laser dos pés a cabeça, terapia com luzes e um tratamento que inclui extrações e exfoliações entre seis a oito semanas antes do evento, conta Somerville. “Criamos uma estratégia juntos”, acrescentou, sendo que cada visita pode variar entre US$300 e US$1500.   

Na temporada de tapetes vermelhos, ela tem 12 salas de tratamento funcionando ao mesmo tempo, com 13 funcionárias trabalhando em período integral. Ela deixa um dos seus melhores esteticistas como volante para cuidar dos agendamentos extras. VIPs possuem acesso a uma linha telefônica direta com o gerente do spa para mudanças de última hora. “É uma época estressante porque não há espaço para erros”, conta.  

Henriksen disse que aliviar a ansiedade é sua especialidade. “Fazemos tratamentos de última geração, mas todos os caminhos levam ao relaxamento”, ele disse. Seu spa fica na Sunset Boulevard, e no qual, segundo ele, entre seus clientes estão Charlize Theron, Mark Wahlberg, Kirk Douglas, Ellen DeGeneres e Ben Kinglsley (premiado como melhor ator em “Gandhi”). Ele diz que todos são “muito disciplinados”, que cuidam da pele o ano todo e que na época do Oscar, terapias para aliviar o estresse (massagem, acupressão e reflexologia) são mais populares do que seus tratamentos faciais.

Mas para algumas celebridades, segundo a esteticista de longa data de Madonna, Peck, a experiência mais relaxante de todas é o relaxamento em casa ou nos seus quartos de hotel. Peck, conhecida pelo seu tratamento facial com oxigênio, e sua filha, Tarin Graham, não tem horários fixos (seus contatos de email e telefone são discretamente trocados). Elas transportam seus instrumentos e aparelhos de um lado para o outro. Os tratamentos, que podem incluir micro correntes, ácido hialurônico e luzes LED, duram cerca de duas horas, de acordo com Peck, e começam pelo rosto, mas cobrem também “pescoço, corpo e o que eles precisarem.”

Embora muitos médicos sejam céticos quanto ao que as micro correntes e o oxigênio realmente proporcionam, Peck e os outros esteticistas ressaltam que pelo menos há uma satisfação instantânea e uma luminosidade imediata.

“Com cirurgias, as coisas podem dar muito errado”, acredita Martyn. “Deste modo, você realmente mantém o seu rosto.”

Topo