Beleza

Confira mitos e verdades comuns sobre cabelos brilhantes

Thinkstock
Uma boa alimentação é essencial para ter cabelos saudáveis e com brilho, mas enxaguá-los com água fria também ajuda bastante imagem: Thinkstock

Marina Oliveira e Rita Trevisan

do UOL, São Paulo

O brilho é um dos atributos que as mulheres mais valorizam em seus cabelos e, graças a essa preocupação, difundem-se as mais variadas receitas para torná-los dignos de anúncio de xampu. Mas será que elas realmente funcionam? Esclareça mitos comuns sobre o assunto e aprenda truques realmente eficientes para deixar seus cabelos radiantes. 

Tomar comprimidos de levedura de cerveja ajuda a tornar o cabelo mais brilhante 
Mito. O brilho dos cabelos é determinado pela saúde do bulbo capilar, que precisa estar bem nutrido. Para isso, é necessário consumir vitamina B, ferro, cálcio, magnésio e proteínas. Apesar da levedura conter alguns destes nutrientes, especialmente vitaminas do complexo B, a quantidade não é suficiente para garantir os resultados prometidos.
 
Enxaguar o cabelo com limão dá brilho 
Mito. A fruta não deve ser usada em nenhum tratamento dermatológico sob o risco de causar queimaduras sérias. Se for aplicado nos cabelos ou na pele e não for muito bem enxaguado o limão, quando em contato com o sol, pode causar uma queimadura química que chega a ser bastante grave.
 
Spray de brilho instantâneo funciona
Verdade. O produto é capaz de corrigir pequenas imperfeições da cutícula e, nesse caso, como a luz vai bater numa superfície mais uniforme, vai refletir melhor. Porém, o efeito é momentâneo e se perde à medida que o cabelo vai ficando mais sujo.
 
Vinagre ajuda a deixar o cabelo brilhante 
Mito. A substância só é eficiente para remover lêndeas do cabelo, quando há existência de piolho. 
 
Escovas de cerdas naturais dão mais brilho ao cabelo 
Verdade. Elas distribuem melhor a oleosidade natural da raiz até as pontas e isso torna o cabelo mais brilhante. 
 
Enxaguar o cabelo com água de coco dá brilho
Mito. A água de coco é excelente para ser aplicada após o banho de mar, pois hidrata os fios, mas não pode ficar no cabelo, devendo ser bem enxaguada depois da aplicação. 
 
Lavar o cabelo com água quente tira o brilho 
Verdade. Á água muito quente remove a oleosidade natural dos fios e ainda abre as cutículas do cabelo, tornando-o opaco, difícil de pentear e mais vulnerável ao aparecimento de pontas duplas. A temperatura ideal da água na lavagem é 20 graus; ou seja, o ideal é sentir um friozinho na cabeça. 
 
Dar uma última chuveirada no cabelo com água fria dá brilho 
Verdade. Uma ducha de água fria ao final da lavagem ajuda a fechar as cutículas dos fios. Assim, a camada externa do cabelo fica uniforme e lisa, difundindo com intensidade a luz natural. 
 
Escovar bastante deixa o cabelo brilhante 
Mito. A escovação excessiva faz até mal, já que o atrito torna os fios quebradiços, abre as cutículas e facilita o aparecimento de pontas duplas. O ideal é escovar só o necessário para acomodar os fios e garantir uma boa aparência. 
 
Lavar todo dia deixa o cabelo opaco 
Mito. Alguns cabelos precisam ser lavados todos os dias para retirar o excesso de oleosidade. Só é preciso cuidado com a quantidade de cosméticos aplicados. O correspondente a uma moeda de um real de xampu é suficiente para os cabelos curtos e o dobro da porção para cabelos longos. Para o condicionador, vale a mesma regra, mas ele deve ser aplicado a até dois dedos do couro cabeludo. 
 
Máscaras feitas com maionese ajudam a recuperar o brilho 
Mito. A maionese é rica em gordura, mas pode deixar muito resíduo nos fios e, com isso, tornar o cabelo mais opaco. Uma máscara com óleo de amêndoas e abacate é mais eficiente e não pesa tanto nas madeixas. 
 
Misturar uma ampola de vitamina A ao condicionador dá brilho aos fios 
Mito. As ampolas muitas vezes são incompatíveis com a fórmula do condicionador e, por isso, as substâncias sequer se misturam, condição essencial para garantir a eficiência do cosmético. Produtos com formulações concentradas, no entanto, são boas pedidas. A maneira mais eficaz de nutrir os cabelos é com fórmulas tomadas por via oral. Silício orgânico, cálcio, zinco, biotina e taurina, por exemplo, aliados a uma boa dieta alimentar, vão promover a nutrição adequada e duradoura dos fios. 
 
A alimentação influencia no brilho dos cabelos 
Verdade. As células do bulbo capilar precisam estar bem nutridas, o que se consegue com uma dieta balanceada, rica em vegetais, ovos e carnes.
 
Consultoria: Luciano Barsanti, tricologista e diretor médico do Instituto do Cabelo; Valcinir Bedin, tricologista e presidente da Sociedade Brasileira do Cabelo; Carolina Reato Marçon, dermatologista; Claudia Marçal, dermatologista; e Adriano Almeida, dermatologista e tricologista.
 
Topo