Beleza

Aprenda a automassagem para relaxar depois de um dia difícil

Thinkstock
A técnica ajuda a soltar o corpo, melhora a pressão sanguínea e estimula a produção de serotonina, o hormônio do bem-estar imagem: Thinkstock

Louise Vernier e Rita Trevisan

do UOL, São Paulo

Enfrentar um trânsito monstro, uma reunião importante, uma discussão acalorada com um familiar: são necessários apenas alguns minutos de tensão ao longo do dia para que todo o corpo sofra as consequências. Em geral, retesamos a região das costas, impactando coluna e ombros. "Como consequência, podem surgir desconforto ou dor nesses locais, que podem afetar também a cabeça e o pescoço", explica a fisioterapeuta Fátima Caromano. O acúmulo do estresse, dia após dia, pode agravar esses males, além de estar relacionado com o aparecimento de diversas doenças, como a pressão alta, a gastrite e a depressão. 

Para aliviar esses sintomas e manter a mente e o corpo sãos, vale a pena tirar alguns minutos para relaxar e desfrutar de uma automassagem. "Ela ajuda a soltar o corpo, liberando as tensões acumuladas, melhora a circulação sanguínea, ajudando a recobrar o ânimo, e estimula a produção de serotonina, hormônio que proporciona a sensação de bem-estar", explica Rubens de Oliveira Frade, professor de Massoterapia, Saúde e Bem-estar do Senac Vila Prudente. Ainda vale como um tratamento de beleza a jato, uma vez que ameniza a aparência de cansaço na hora. 
 
Para tirar proveito da técnica, basta reservar de 15 a 20 minutos para um momento só seu. O horário não importa, desde que você possa se recolher a um local tranquilo e silencioso, onde não seja interrompido. Também é interessante deixar esse cômodo à meia luz e utilizar um creme ou óleo vegetal, como o de semente de uva, para que as mãos deslizem melhor durante a realização dos movimentos. "Para quem gosta, outra dica é pingar num difusor duas gotas de óleo essencial de lavanda, que tem efeito calmante", ensina Frade.
 
Na rotina da massagem, os especialistas recomendam tocar a cabeça, os ombros, os pés e as mãos, que são áreas bastante sensíveis, para usufruir de uma sensação de relaxamento instantâneo. "As mãos e os pés possuem terminações que se comunicam com o sistema nervoso e acabam impactando em outros órgãos e sistemas", ressalta o professor de massoterapia. A seguir, o especialista faz um passo a passo para aplicar a sua automassagem: 
 
Cabeça
Sente-se sobre a cama, com as pernas cruzadas, em posição de lótus. Mantenha a coluna ereta e solte bem os ombros. Então, deslize as duas mãos por toda a cabeça, fazendo movimentos circulares com as pontas dos dedos, suavemente, como se estivesse ensaboando os cabelos. Depois, dê batidinhas com as pontas dos dedos por toda a cabeça. O movimento auxilia a vascularização, proporcionando uma sensação de conforto e tranquilidade.
 
Ombros
Na mesma posição, solte novamente os ombros e os braços, mantendo a coluna ereta. Leve as duas mãos à nuca e deslize-as em direção às laterais, fazendo uma leve pressão com as pontas dos dedos, até alcançar os ombros. Depois, repita o mesmo movimento usando apenas os polegares. Na sequência, leve a mão direita em direção ao ombro esquerdo pela parte frontal do corpo e amasse suavemente o ombro, como se sovasse massa de pão. Em seguida, deslize a mão direita desde o início do pescoço, na lateral, até o ombro esquerdo, fazendo uma leve pressão com as pontas dos dedos. Repita essas duas manobras no ombro direito, usando a mão esquerda. 
 
Mãos
Na mesma posição do passo anterior, solte bem os braços e as mãos. Repouse a mão esquerda sobre a perna e deslize as pontas dos dedos da mão direita pela palma, a partir do pulso em direção às pontas dos dedos, fazendo uma pressão suave. Depois, apoie a mão esquerda sobre a direita e deslize o polegar no sentido do pulso para a ponta dos dedos, massageando um dedo de cada vez. Ao terminar, apoie novamente a mão sobre a perna e, com a mão fechada, deslize os nós dos dedos da mão direita sobre a palma e o dorso da mão. Então, faça uma pinça com o polegar e o dedo indicador e realize movimentos circulares nas articulações de cada dedo, percorrendo um dedo por vez. Repita toda a série de movimentos na mão direita. Finalize a massagem esfregando suavemente as palmas das mãos, para ativar a circulação local. 
 
Pés
Ainda sentado, desfaça a posição de lótus e traga o pé esquerdo em sua direção. A outra perna pode ficar esticada, numa posição bem confortável. Comece a massagem deslizando as pontas dos dedos da mão direita pela sola do pé, a partir do calcanhar em direção às pontas dos dedos, fazendo uma pressão suave. Depois, deslize o polegar do calcanhar às pontas dos dedos, seguindo sempre em linha reta. Em seguida, com a mão fechada, deslize os nós dos dedos sobre a sola e o peito do pé. Então, faça uma pinça com o polegar e o dedo indicador e realize movimento circulares em cada articulação dos dedos. Repita toda a série de movimentos no pé direito, usando a mão esquerda. Ao terminar, volte à posição de lótus, feche os olhos por alguns instantes e respire profunda e tranquilamente para intensificar a sensação de bem-estar.

Topo