Cabelos

Cabeleireiros revelam dicas para negras e morenas clarearem os fios

Getty Images e AgNews
Beyoncé, Rihanna e Preta Gil são algumas das famosas que apostam em diferentes tonalidades de cabelos loiros para iluminar a pele imagem: Getty Images e AgNews

Carol Salles

Do UOL, em São Paulo

Ser loira é desejo de boa parte das mulheres. E se, até pouco tempo atrás, o tom não era indicado para mulheres de pele morena ou negra, hoje essa ‘regra’ caiu por terra. “Várias famosas tem apostado no visual, e, claro, isso reflete nas cadeiras dos salões. O contraste do cabelo claro com a pele morena chama a atenção e ilumina o visual”, explica a cabeleireira Mônica Miguel, do Espaço Juliana Paes, no Rio de Janeiro. Para quem está pensando em aderir, existem alguns cuidados a serem tomados, veja a seguir.

O segredo do sucesso
“É preciso, primeiro de tudo, avaliar o tom de pele para só aí escolher o louro”, diz Mônica. A profissional aposta em cores de pouco contraste com a pele, mas que deem uma iluminada no rosto. Assim, morenas mais claras podem apostar nos tons dourados, que não destoam completamente do tom de pele. “Já para aquelas com pele mais escura indico usar o loiro mais frio”, completa o cabeleireiro Raphael Vogler, do Crystal Hair Leblon, no Rio de Janeiro. “O loiro total, tipo platinado, não combina com morenas ou negras”, acredita Mônica.


Vá com calma
O cabelo afro é fino e delicado. Por isso, suporta até um determinado tom de clareamento sem quebrar, e o processo de descoloração maltrata muito o cabelo. “Além disso, não é uma boa ideia descolorir a cabeleira toda. O ideal é fazer mechas do tipo transparente, que são finíssimas e se misturam aos fios não descoloridos, criando um efeito sutil e bonito”, diz o cabeleireiro Julio Crepaldi, do salão Galeria, em São Paulo. Mesmo assim, o expert recomenda que o clareamento se dê gradativamente. “É preciso clarear um pouco, hidratar, esperar. Retornar ao salão para repetir o procedimento, hidratar novamente. O processo de clareamento, em cabelos étnicos, leva alguns meses”, completa. Para quem quer ficar mais loira do que o próprio cabelo ‘aguenta’, a dica de Mônica Miguel é lançar mão de mechas de mega hair.

Antes da tintura...
É preciso dar um bom trato nos fios, para que fiquem fortes e aguentem bem a química. Seu cabeleireiro é a pessoa mais indicada para avaliar a condição dos seus fios e indicar qual o tratamento deve ser feito.

E depois?
Hidratação semanal em casa, com produtos à base de óleos essenciais –que repõem minerais perdidos e dão brilho – é importante. Visitas mensais ao salão para uma hidratação profissional também é cuidado básico. “Além disso, é importante evitar ao máximo o uso de secadores e chapinhas, além do atrito em excesso da escova com os fios”, diz Julio. Caso não abra mão de alguma fonte de calor para estilizar a produção, use sempre um leave-in em creme com proteção térmica, evite passar a chapa ou o secador muitas vezes no mesmo lugar e só use chapinha com o cabelo bem seco.

Dica extra
Julio Crepaldi alerta: este é um visual que chama a atenção. Por isso, antes de optar por ele, analise se ele se adapta ao seu estilo de vida e personalidade. “As famosas estão sempre produzidas, maquiadas. É um estilo para as mais ousadas. Tem que ‘segurar’ a produção”, finaliza.

 

  • Arte UOL

    Veja como você ficaria com o cabelo das famosas Comente

Topo