Beleza

Dicas e passo a passo facilitam a missão de cortar o cabelo em casa

Luiza Spina

Do UOL, em São Paulo

Antes de se animar com o título desta matéria, saiba que um corte caseiro envolve riscos. Você pode acabar com uma franja curta demais ou pontas desiguais. Então, por mais que seja tentador pegar a tesoura e tosar as próprias madeixas no conforto do lar, limite-se a cortes simples de ajuste de pontas e de comprimento da franja. Se quer mudar o estilo – ganhar uma franja nova, repicar, cortar Joãozinho - um profissional é indispensável para o sucesso do corte. “É importante lembrar que cada cabelo possui uma especificidade - redemoinhos, frizz, forma de pentear, cabelos brancos, ondulados, com química, alisados. Cada uma destas características pede uma forma específica de cortar”, lembra a cabeleireira Helô Bassi, de São Paulo.

Antes do corte
Em primeiro lugar, providencie uma boa tesoura, que seja usada apenas para esse fim. “Existem modelos profissionais caríssimos, que chegam a custar R$ 500. Mas, para um quebra-galho em casa, dá para usar as semi-profissionais, bem mais baratas (cerca de R$ 30)”, diz a cabeleireira Neiva Pena, do salão Essencial Hair, em São Paulo. E lembre-se: seja qual for a sua tesoura, ela deve estar sempre bem afiada.

Os fios devem estar limpos e sem resquícios de leave-in. Quanto a estarem secos ou molhados, isso vai depender da textura natural deles. Se são cacheados, o ideal é mantê-los secos, pois assim é mais fácil cortar seguindo o caimento natural das ondas. Já se são mais lisos, umedeça-os.

Como aparar...
Franja reta
Prenda todo o cabelo para trás e deixe apenas a franja solta. Lembre-se que franjas retas são cortadas a partir de um triângulo no topo da cabeça. Encontre o triângulo do corte original e use-o como guia. Com um pente fino, penteie para frente da cabeça, seguindo seu caimento natural. Passe a tesoura na horizontal, de um a dois centímetros abaixo da altura que você realmente quer. Use o pente para alinhar a linha de corte. Se os seus fios são grossos e a franja, portanto, é espessa, separe-a em duas camadas, prendendo a de cima no topo da cabeça. Corte primeiro a camada mais próxima da testa. Em seguida, solte a parte que ficou presa e alinhe com os fios que já foram cortados. Para finalizar, posicione uma tesoura desfiadeira na vertical (de pé) na pontinha dos fios, e picote, bem de leve, para desfiar. Atenção: a ideia aqui é deixar as pontinhas desfiadas para dar mais leveza à franja, e não tirar mais comprimento. E, enquanto corta, cuidado para não picotar a sobrancelha junto.

Franja lateral
Separe a franja, prenda o comprimento, e coloque-a para frente. O truque para conseguir um caimento bacana é jogar a franja para o lado oposto ao que você quer que ela fique. Depois, corte com a tesoura na diagonal. Deixe sempre, no mínimo, um centímetro a mais do comprimento que realmente quer. Finalize desfiando as pontas com uma tesoura própria para esse fim. Caso a sua franja lateral seja muito espessa, é melhor deixar o trabalho na mão de um expert. Isso porque será bem difícil, ao dividir a franja em camadas, conseguir alinhá-las. “Nesse caso, minha dica é usar só a tesoura desfiadeira a cada 15 dias, para manter o comprimento”, indica Neiva.

Pontas
Existem várias técnicas para se diminuir o comprimento dos fios em casa. Uma delas é a do rabo de cavalo, a pedida para quem tem cabelos bem longos. Penteie toda a cabeleira para frente, a partir da nuca, de modo a formar um rabo de cavalo bem acima da testa. “Quanto mais próximo da testa, mais bonito ficará o caimento dos fios”, diz Neiva. Em seguida, basta cortar as pontas com uma tesoura bem afiada. Escolha um comprimento entre o queixo e o pescoço. Os fios ficarão em camadas.

Outra técnica, bem simples e que deixa os fios menos repicados, é ensinada pela expert Neiva: divida o cabelo para os dois lados, como se fosse fazer duas tranças. Torça cada mecha, incline-a para o lado oposto e corte as pontas com a tesoura na vertical. Faça dos dois lados, tentando manter a simetria. Para ter certeza que os dois lados ficaram do mesmo tamanho, junte-os na frente do peito, depois de cortados, e compare.

Depois do corte
“Faça uma escova para deixar os fios lisos e secos. Assim você conseguirá medir bem e identificar eventuais falhas”, indica a expert Thais Neves, do Werner Coiffeur, no Rio de Janeiro. Caso tenha ficado alguma ponta, corrija-a a seco. Se for nas costas, peça ajuda de amiga.

Seja qual for seu corte...
- Antes de passar a tesoura, sempre lave e condicione os fios.
- “Penteie bem os fios, para ficarem o mais alinhados possível”, diz a blogueira Bia Munstein (www.euvouderosa.com), uma expert em cortar os cabelos em casa.
- Corte aos poucos e vá conferindo o resultado, para não se arrepender.
- Evite se aventurar em casa se tem fios muito lisos, já que, nesse tipo de cabelo, qualquer errinho fica muito visível.

Topo