Beleza

Técnicas corrigem cor e falhas nas sobrancelhas; veja as indicações

Thinkstock
Ao corrigir falhas nas sobrancelhas, escolha um produto com tom o mais próximo possível da cor natural dos fios imagem: Thinkstock

Shâmia Salem

Do UOL, em São Paulo

Para um visual harmonioso, tão importante quanto o formato da sobrancelha é corrigir a cor e as falhas. Afinal, nem toda mulher fica estilosa com fios naturalmente escuros contrastando com o cabelo claro, como faz a top model Cara Delevingne. Uma que tentou se aventurar nessa onda e não teve sucesso foi a lindíssima atriz Anne Hathaway, quando surgiu com um corte Joãozinho e platinado em maio do ano passado. Mas isso não significa que é preciso colorir as sobrancelhas exatamente do mesmo tom das mechas: basta usar uma nuance da mesma família, quebrando um, dois ou até três tons. E, por favor, deixe a tarefa para um profissional, para não correr o risco da tintura escorrer nos olhos, a cor não ficar como o planejado ou irritar a pele.

Os profissionais também trabalham com coloração e oxidante específicos para sobrancelhas. “O resultado é ótimo para quem tem poucos ou muitos fios brancos, dura cerca de 30 dias e custa cerca de R$ 85”, conta a designer de sobrancelhas Ana Lúcia Yotumoto, do Jacques Janine unidade Augusta, em São Paulo. Prefere henna? Ok, mas saiba que ela não cobre totalmente os brancos. Por outro lado, essa tinta natural funciona super bem para corrigir sobrancelhas com poucos pelos, já que faz uma cobertura leve, inclusive da pele, disfarçando as falhas. Pena que o efeito não dura muito, por volta de duas semanas, ou menos se tiver pele oleosa. O custo gira em torno de R$ 55.


Sobrancelha careca?
Se as falhas foram causadas por cicatrizes ou por pelos que não nascem mais – o que acontece depois que eles são arrancados várias vezes ou devido à idade –, uma boa saída é fazer micropigmentação 3D. Dura cerca de um ano, ou menos se a pele for oleosa e você usar ácidos. “Nesse procedimento são usados vários tipos de agulhas para desenhar os fios um a um, em tamanho e espessura diferentes, colocando alguns sobrepostos para parecer que têm raiz e deixar a aparência o mais natural possível”, explica a designer de sobrancelhas Fátima Bahia, do Rio de Janeiro. Tamanho detalhamento tem um preço, que pode chegar a R$ 1.350.

Outra opção de micropigmentação, que não é 3D, é realizada com pigmento orgânico (cerca de R$ 800). “Com esse material não há o risco de, com o tempo, a sobrancelha ficar azulada ou esverdeada, porém a durabilidade não passa de um ano e meio”, avisa Ana Lúcia.

Só no truque
Quem prefere soluções caseiras tem nos cosméticos bons aliados. “Gosto de usar sombra opaca neutra, passada com pincel chanfrado, para corrigir a sobrancelha de um jeito suave e delicado”, conta o maquiador Roosevelt Vanini, do salão C.Kamura, em São Paulo. O lápis também pode ser adotado, mas com muito cuidado para as linhas não ficarem marcadas demais.

Duas boas novidades são a máscara e o corretivo específicos para sobrancelhas. O primeiro combina gel colorido com fibras que aderem à pele e penteiam, colorem, dão volume e mantêm os fios no lugar, inclusive os mais rebeldes. Já o corretivo deve ser aplicado com um pincel, no sentido do crescimento dos pelos, para modelar, disfarçar falhas e intensificar a cor. Se quiser um look ainda mais natural, é só esfumar.

Topo