Tendências de beleza

Cabelo afro faz sucesso nesta Copa; aprenda a cuidar deste tipo de fio

Juan Mabromata/AFP/Liu Dawei/Ueslei Marcelino/Reuters
David Luiz, Marcelo e Willian (esq. para a dir.) exibem cabelos afro no estilo "black power" imagem: Juan Mabromata/AFP/Liu Dawei/Ueslei Marcelino/Reuters

Tatiana Izquierdo

do UOL, em São Paulo

Durante a Copa do Mundo todas as atenções estão voltadas para os jogadores em campo. Além da performance no jogo, a aparência também chama a atenção. Na edição de 2014, sediada aqui no Brasil, um dos visuais hit é o "black power", sucesso entre os jogadores donos de cabelos afro, que são extremamente crespos e não formam cachos definidos. Na seleção brasileira, Dante, David Luiz, Marcelo e William são os seus representantes.

"Este tipo de fio é um dos mais difíceis de cuidar, por isso é preciso prestar atenção nos detalhes como corte, tratamento e cuidado diário, que deve contemplar, além do uso de xampu e condicionador, o leave-in", explica o cabeleireiro e cosmetólogo Paulo Vargas, do Sweet Hair, em São Paulo. Quem tem cabelo afro precisa escolher produtos com ingredientes altamente hidratantes, pois os fios são frágeis e suscetíveis a quebra, afinal sua estrutura eriçada não permite que a hidratação natural chegue ao comprimento e às pontas. 

Corte e manutenção do visual
Para que o look "black power" fique estiloso, o corte precisa ser preciso e respeitar a estrutura do fio. O penteado "bolinha" é cortado em um ângulo de 90º. "O cabeleireiro deve cortar as pontas seguindo a curva da cabeça para que o visual fique semelhante a uma esfera, mas o movimento precisa ser preservado", explica Vargas. O cabelo afro nunca pode ser aparado com navalha ou tesouras desbastadoras, que ressecam ainda mais o fio porque danificam a parte superficial para deixá-lo leve e com movimento. As cutículas abertas conferem aspecto áspero e ressecado à fibra capilar.

A manutenção do corte deve ser feita a cada dois ou três meses, no máximo. "O polimento das pontas e um corte adequado é fundamental para alinhar o caimento do fio crespo", explica o cabeleireiro Fernando Paolo, do Studio Fernando Fernandes, em São Paulo. Especialista em cabelos afro, o profissional orienta que além do corte, a hidratação dos fios e o  uso correto de pentes ou escovas são os principais aliados para a estilização do visual. "Para o visual 'bolinha', utilize pentes de dentes largos ou 'garfo' e vá definindo a forma arredondada com os dedos", explica. Vale aplicar leave-in nos fios úmidos para auxiliar na hidratação.

Outros recursos
Alisamento, relaxamento e coloração são permitidos para os homens que têm o cabelo afro. "Em casos de química para mudança de cor ou formato do fio, é necessário uma avaliação profissional para a escolha do procedimento correto", orienta Paolo. Para definir os cachos, o ideal é reduzir um pouco do volume com relaxamento. A coloração e o alisamento não podem ser feitos em cabelos relaxados anteriormente e precisam ser alternados com hidratação poderosa.

Topo