Beleza

Atualizada em 08.09.2016 19h25

Primer segura a maquiagem e vira queridinho dos profissionais; saiba usar

Izabel Oliveira

Do UOL, em São Paulo

No kit essencial de maquiagem sempre há base, batom vermelho, lápis preto e máscara; porém, o primer vem entrando nessa lista. Com múltiplas funções, o produto pode iluminar ou matificar a tez, ajudar a controlar a oleosidade, disfarçar os poros, contribuir para a suavização de linhas de expressão e, claro, uniformizar a textura da pele e fixar a make. Além disso, há primers específicos para cada região, como olho e boca. “O primer virou o melhor amigo na hora de maquiar. Nos lábios, ele elimina a aparência de vincos e ajuda na fixação do batom, evitando que o produto derreta ou que o contorno se perca. Nos olhos, ele ajuda a criar cílios volumosos e alguns têm polímeros de sustentação, que auxiliam a segurar a curvatura feita pelo curvex, por exemplo", explica o maquiador Vicente Lujan, de São Paulo.

Como escolher

Com texturas que variam do creme ao gel, há um tipo de primer adequado para cada tipo de pele. Na hora de escolher o ideal, é preciso saber qual efeito se quer criar ou qual imperfeição deseja disfarçar. “Para peles secas, dê preferência aos primers em creme, que ajudam na hidratação e trazem emoliência à pele. Já para as mistas, procure os produtos em gel, que espalham com facilidade e são absorvidos mais rapidamente”, diz o profissional. Peles oleosas também podem se beneficiar do produto com acabamento matte. Se a intenção é criar uma luminosidade natural na pele que vai receber uma base leve em seguida, aposte no primer com efeito iluminador.

Para conquistar um efeito semelhante ao do primer, um hidratante pode ajudar na tarefa, já que prepara a pele para receber a maquiagem. Contudo, o acabamento não terá a mesma eficácia, pois, após ser espalhado, o produto some na pele e não a uniformiza.

Topo