Beleza

Atualizada em 04.02.2015 17h25

BB Cream para os olhos surge como opção no combate aos sinais da idade

Christian Parente/UOL
O produto formulado para a região dos olhos, além de prometer minimizar a aparência das olheiras, bolsas de gordura e linhas de expressão, também hidrata e protege a região imagem: Christian Parente/UOL

Por Simone Ota

Do UOL, em São Paulo

O BB Cream surgiu na Ásia com a finalidade de substituir quatro cosméticos --o primer, a base, o hidratante e o protetor solar-- e virou febre na indústria da beleza. Agora surge outra inovação: o produto apenas para a região dos olhos que, além de prometer minimizar a aparência das olheiras, bolsas de gordura e linhas de expressão, também hidrata e protege a região, servindo de aliado no combate aos primeiros sinais de idade. “Faz sentido ter um produto próprio para a área dos olhos, já que a pele desta região é mais fina, sensível e ressecada do que a do restante do rosto”, diz a dermatologista Juliana Neiva, do Rio de Janeiro.

Outra profissional que vê a novidade com bons olhos é Alessandra Scorse, professora do curso de pós-graduação em estética e maquiagem profissional da Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo. “Devido à proximidade com o globo ocular, é fundamental usar produtos que levem em conta o controle microbiológico e o pH da região, por exemplo, para minimizar possíveis complicações, como descamação e inchaço”, justifica a especialista, que recomenda aplicar o cosmético em doses homeopáticas e com movimentos circulares suaves.


Prós e contras
Para quem já está pensando em substituir alguns cosméticos pelo BB Cream para os olhos, é importante saber que ainda há poucas marcas disponíveis no mercado e que é preciso analisar as opções para ver se elas realmente dão conta de substituir vários produtos ou apenas complementam a rotina de cuidados com o rosto. “A maioria deles propõe disfarçar algumas imperfeições por causa do tonalizante, o que dispensaria a base e o corretivo. Por outro lado, dependendo do FPS e do grau de ressecamento da pele, pode não ser uma vantagem aposentar o protetor solar e o hidratante facial”, avisa Alessandra.

As donas de pele madura também precisam ficar atentas a alguns detalhes. “Quem tem pés de galinha e flacidez nas pálpebras, por exemplo, só deve trocar o creme habitual para a região dos olhos pelo novo BB Cream se ele tiver textura fluida e ativos com ação descongestionante e tensora. Mesmo assim, sugiro que o use apenas no lugar do creme diurno, por causa do filtro solar, e mantenha o noturno, que costuma ser mais potente”, diz a médica.

A maquiadora Natália Antunes, da Lumi Cosméticos, em São Paulo, dá dicas para quem pretende incluir o produto no nécessaire de maquiagem. “O BB Cream para os olhos não oferece uma cobertura igual a da base. Mesmo assim, quem tem poucas imperfeições pode associá-lo com a versão para o rosto e partir para a maquiagem, sem esquecer de aplicar um pó translúcido e incolor no final para reduzir o brilho.” 

Topo