Últimas de Estilo de vida

Genética? Estresse? Veja dez mitos e verdades sobre calvície masculina

Getty Images
A calvície é um pesadelo para muitos homens, mas também pode ser sinônimo de charme imagem: Getty Images

Isabela Leal

Do UOL, em São Paulo

Caspa provoca calvície? E estresse? Ter mãe ou pai calvo significa que os filhos sofrerão do mesmo problema? Muitas dúvidas que rondam o assunto têm fundamento, mas outras não passam de lenda. Para explicar o que de fato é verdadeiro e o que é mito, UOL Beleza conversou com três tricologistas (médicos especializados em cabelos). A seguir, eles compartilham o seu conhecimento.

1) Homem com muito pelo no corpo tem mais chance de ser careca
Mito. Não existe nada que comprove essa relação. Pode-se cogitar que, por conta do mecanismo hormonal de queda capilar ser o mesmo do crescimento dos pelos do corpo, essas duas situações possam estar correlacionadas. Se caso fosse assim, todo calvo seria peludo e vice-versa; mas não é o que acontece.

2) Calvos têm menos chance de ter câncer de próstata
Mito. “Há vários estudos que apontam o contrário e mostram que alguns padrões de calvície podem, inclusive, ter relação com um risco maior para o câncer de próstata”, acredita o Dr. Ademir Jr, médico e presidente da Academia Brasileira de Tricologia. Já Luciano Barsanti, diretor do Instituto do Cabelo, argumenta outra razão: “Coincidentemente o mesmo hormônio, o DHT (Diidrotestosterona), é responsável pela calvície genética e pelo câncer de próstata, mas isso não significa que o calvo é mais propenso ao câncer de próstata, pois as doenças advêm de genes diferentes”.

3) Caspa causa calvície.
Mito. A dermatite seborreica, como é chamada a caspa, pode aumentar a queda dos cabelos, mas jamais provocar calvície severa ou definitiva.

4) Se o homem chegou aos 40 anos com cabelo, está descartada a possibilidade de ficar careca
Mito. Em alguns casos, a calvície pode surgir a partir dos 40 anos. O que muda é que nessas circunstâncias ela se desenvolve de forma mais lenta e gradativa. Quanto mais cedo a calvície se manifesta, pior é o prognóstico. No entanto, 90% dos homens que possuem o gene da calvície manifestam os sintomas a partir desta idade; já aqueles que não herdaram o gene da calvície não vão ficar carecas em nenhuma idade.

5) Ter pai ou mãe com problema grave de calvície significa que os filhos serão calvos
Depende. Pode ser que sim, já que as chances são maiores por hereditariedade. Mas há casos em que, por conta do padrão genético dos pais, os filhos podem não desenvolver o problema.

6) Estresse causa queda do cabelo
Verdade. O estresse realmente causa queda de cabelos, estudos comprovam que as substâncias liberadas nos momentos de estresse mudam a química do corpo e causam a queda dos cabelos. 

7) Remédio para a calvície causa impotência
Mito. “Embora os medicamentos sintéticos, por serem elaborados quimicamente, apresentem uma melhor eficácia, hoje existem várias opções de fitoterápicos orgânicos (provenientes de plantas) que são naturais, proporcionam resultados animadores e sem efeitos colaterais”, afirma Barsanti.

8) O uso regular de boné pode levar à calvície
Mito. Em lugares fechados, os bonés podem aumentar a produção de seborreia provocando caspa e prurido, mas é impossível isso provocar a calvície.

9) Pintar os cabelos causa calvície
Mito. As fórmulas atuais das colorações são seguras. É impossível que a tinta, por si só, leve à queda dos cabelos. Pode haver, sim, no máximo quebra dos fios quando o procedimento de tintura for realizado de forma incorreta.

10) Anabolizantes causam calvície
Verdade. “Essas substâncias são responsáveis pela maior produção de DHT, componente derivado da testosterona que afina os fios, levando à queda excessiva dos cabelos e podendo levar à morte”, explica Barsanti.

Topo