Beleza

Diagnosticada com câncer linfático, jovem americana torna-se modelo

Do UOL, em São Paulo

Aos 20 e poucos anos e ao contrário de muitas meninas, o sonho da norte-americana Dayna Christison não era ser modelo. Porém, ao ser diagnosticada com linfoma de Hodgkin aos 22 anos, a vida da jovem mudou não só pela rotina de tratamentos contra o câncer no sistema linfático, mas também na descoberta de uma beleza diferente. Hoje, aos 25 anos, Dayna ainda passa por procedimentos contra a doença, mas além disso tornou-se modelo da agência Major Models e tem chamado atenção de grandes marcas como Urban Outfitters, desfiles e até na Semana de Moda de Nova York.

Em entrevista ao site "Buzzfeed News", a jovem relata que não sabe quanto tempo ficará na carreira, mas que deseja inspirar outras pessoas que queiram entrar no mundo da moda mesmo com os problemas de uma doença e por não pertencerem aos padrões. A modelo afirma que muitas pessoas com câncer já a abordaram para elogiar a coragem de expor a beleza com o visual careca.

Em sua conta no Instagram, Dayna posta várias fotos de diferentes trabalhos, mas também mostra seu lado irônico e engraçado no dia-a-dia.

Topo