Beleza

Assustou com os cílios da BBB Adélia? Exagero em técnica pode ser problema

Reprodução/Gshow
Adélia com os cílios alongados e depois de retirá-los imagem: Reprodução/Gshow

Do UOL, em São Paulo

A sister Adélia, do Big Brother Brasil 2016, promete ser uma das participantes mais "montadas" do reality. A advogada de 36 anos, não nega: é fã de procedimentos estéticos. Um deles, que gerou bastante aflição no público, foi o alongamento exagerado dos cílios --que nem ela aguentava mais, retirando os pelos artificiais na noite desta segunda-feira (2). O UOL procurou profissionais para saber o que gerava um resultado tão artificial.

Apontada como a solução para quem tem poucos cílios, a técnica de alongamento é quase artesanal. São colados fios sintéticos nos pelos naturais --um por um ou três por um, no caso dos fios 3D-- com uma cola de longa duração. O look pode permanecer por 10, 30 ou até 45 dias, dependendo do potência do produto utilizado para a fixação.

Por que tão estranho?
O problema, no caso de Adélia, pode ser resultado da aplicação de mais fios que o de costume. Lahis Trindade, do Viss Cabeleireiros Visagistas, acredita que tenham sido colocados de 3 a 5 fios por pelo natural. Além disso, a espessura dos fios seria mais grossa que o indicado.

Outra questão, segundo Lahis, é a limpeza da região. No caso de Adélia, maquiagem e falta de cuidados básicos com os fios deixavam a região com aspecto pesado. "Ela faz uso excessivo de rímel no alongamento, o que não é recomendado. A falta de higienização e remoção do make vai deixando os cílios grossos, pesados e grudados", declara.

Segundo Nayra Fachinetti, técnica do d-unhas, a manutenção do alongamento deve ser feita a cada três semanas, independentemente da potência da cola, uma vez que o procedimento lida com o crescimento dos fios. Os cílios aplicados vão caindo conforme a queda natural dos pelos --o ciclo completo de troca de todos os cílios naturais pode durar até 60 dias, mas esse período tem variação de pessoa para pessoa.

Reprodução/Gshow
imagem: Reprodução/Gshow

O que os especialistas indicam
Para quem opta pelo alongamento dos cílios, Luzia Costa, da Sóbrancelhas, recomenda a aplicação de rímel à base de água, para que não seja necessário o uso de demaquilante, que pode prejudicar a cola de látex. Para uma durabilidade efetiva, não é recomendado que a cliente coce ou esfregue os olhos. Vale também evitar excessivos contatos com água quente e calor extremo, como sauna, para não amolecer a cola antes do tempo.

O procedimento pode ser realizado por clientes a partir de 16 anos, sem limite de idade, considerando a quantidade de cílios que a cliente possui e a sensibilidade de pálpebra. Só é contraindicado para quem possui alguma patologia na região dos olhos.

Topo