Beleza

Isis Valverde revela a receita do brilho dos seus cabelos - é bem simples

Divulgação/Luciana Prézia
Isis Valverde na loja da John John, em São Paulo, em março imagem: Divulgação/Luciana Prézia

Virna Wulkan

Colaboração para o UOL, em São Paulo

"Você é a mulher mais linda do mundo", disse Raf Simons, então diretor criativo da Dior, quando viu Isis Valverde pela primeira vez, nos bastidores de um desfile da grife. Impossível não se encantar com a atriz. Ela é dona de um sorriso que não se fecha no rosto e trata todos com delicadeza. "Estou na minha melhor fase, me sinto segura", contou ao UOL.

Quando o assunto são os cuidados de beleza, Isis comenta que sofre com todo tipo de alergia e que precisa tomar cuidado com os produtos que escolhe. Por isso, evita maquiagens no dia a dia, quando não está trabalhando. Segundo ela, o único produto que não sai de seu nécessaire é um balm hidratante com leve coloração vermelha.

E tem mais: ela usa e abusa de elementos naturais, inclusive no cuidado com os fios. "Aprendi com a Yasmin e a Luiza Brunet a usar óleo do coco”, revela. “Misturo com abacate batido e jogo no cabelo para hidratar". Se considera vaidosa? "Sempre gostei de me arrumar. Acho importante a mulher ter amor por si porque isso alimenta a gente. Não é para os outros, é para nós mesmas."

Depois do acidente que a deixou paralisada por quase três meses, em janeiro de 2014, a atriz começou a repensar a vida. "Nesses dois anos passei por uma transição, fiquei mais consciente da mulher que eu sou e do que quero para o meu futuro. Ele me trouxe um crescimento interior muito forte porque de repente me vi dependendo dos outros como um bebê. Você vê como a vida é frágil", conta.

Aos 29 anos, Isis adora estar em movimento. Entre as principais atividades, estão a prática de exercícios que envolvem o corpo e a mente. "Amo pilates, me traz bem-estar e alimenta a minha alma. Pratico também ginástica funcional, sempre tendo como base a respiração, a concentração, o equilíbrio e o uso do abdome nos exercícios. Dessa forma vem a energia para os chakras e para o corpo, e coloca tudo no lugar", diz.

É assim que ela acredita aguentar a pressão do trabalho e de ser constantemente observada pelas pessoas. Melhor ainda se puder unir a atividade a um belo cenário, em meio a natureza. "Quando fui para Jericoacoara, Trancoso e Caraívas, treinava na praia. Uma vez fui a um banco de areia que ficava entre o mar e um rio e fiz ioga lá, foi incrível".

Reprodução/Instagram @isisvalverde
A atriz pratica ioga na natureza imagem: Reprodução/Instagram @isisvalverde
A ioga ela conheceu em Nova York, onde morou durante um ano, até dezembro passado. "A cidade é muito agitada e eu, que sou do interior, não conseguia dormir. Imagina estar sozinha lá. Deitava na cama e meus olhos não fechavam. Comecei a sentir meu corpo tenso e duro", conta. Foi a prática do "hot ioga", uma forma mais potente da atividade, que resolveu o problema.

Com relação à alimentação, só toma um cuidado especial. "Nunca tive problema de engordar. Sempre lidei com esse assunto sem neuras, de maneira saudável. Como brigadeiro, batata frita, mas não gosto de fast food. Procuro comer bem e com consciência. Ainda não senti as mudanças no corpo, dizem que vem depois dos 30. 

Topo