Vida em casa

Mistérios da casa: onde se escondem meias, potinhos e outros itens?

Thalita Peres

Do UOL, em São Paulo

  • Getty Images

    Meias

    Vish! Você tem certeza que colocou aquele 'bendito' par de meias para lavar, mas na hora de estender a dita cuja no varal só achou um pé? Para que isso não aconteça, anote esses conselhos: primeiro, deixe um cesto menor, separado daquele em que vão as demais roupas sujas, para receber as meias. Na hora de colocar na lavadora, reúna os pares em um saquinho para peças delicadas. Esse cuidado evita que um pé caia no vão da máquina ou enrosque em outra peça. Ao retirá-las da máquina, junte os pares e pendure-os em conjunto no varal, prendendo pela ponta ou calcanhar para não marcar. Depois de secas, guarde as meias em organizadores ou em uma gaveta só para elas e evite fazer "bolinhas", para preservar os elásticos. Para mantê-las unidas, o ideal é fazer rolinhos ou 'envelopes'. Ah! Mas o que fazer com as meias que ficaram órfãs? Calma, 'oh buscador dos pés perdidos'! Que tal separar um espacinho na gaveta para elas? Um dia você vai encontrar aquele par que sumiu, não?

    Imagem: Getty Images

  • Getty Images

    Elásticos, grampos e prendedores de cabelos

    Você comprou um suprimento vitalício de elásticos de cabelo, mas nem bem se passou uma semana e 'pá' não tem um sequer na gaveta! Para escapar do 'buraco engolidor de elastiquinhos e presilhas', a saída é usar um organizador para objetos pequenos, que pode ser improvisado com o que você tem em casa: latinhas, xícaras, potinhos de plásticos, caixinhas etc.. Tudo vale, se você conseguir se lembrar de devolver ao lugar os prendedores. Quer melhorar ainda mais a organização? Setorize cada item: deixe elástico apenas com elástico; presilha só com presilha. De quebra, essa ordem toda ajuda a preservar os apetrechos bonitos por mais tempo. Ah! Quanto aos grampos, evite mantê-los próximos à umidade, pois enferrujam com facilidade.

    Imagem: Getty Images

  • Getty Images

    Carregadores de celulares

    Vive emprestando o carregador de celular e, aí, simplesmente não o encontra mais? Outro morador da casa sempre pega o acessório achando que é o dele? Tenta ser organizado, mas só acha a 'tranqueira' quando ela foi esquecida na tomada? Temos algumas dicas para você: para evitar que a peça seja trocada, coloque uma marcação no fio, com caneta permanente ou uma pequena etiqueta com a sua identificação. Escolha também um local para sempre deixar seu carregador, de preferência, que esteja próximo ao seu celular (quando fora de uso) e/ou onde costuma carregar o aparelho (um criado-mudo, o armário da cozinha, não importa! Tem que fazer sentido pra você). Por fim, siga a regra: "devolva o objeto ao local após o uso".

    Imagem: Getty Images

  • Getty Images

    Chaves

    O chaveiro da vizinhança já te chama pelo nome? As chaves para você são feitas de material volátil e evaporam com frequência? Experimente usar a mesma lógica do carregador de celular, descrita aí em cima: escolha um lugar para deixa-las de forma definitiva e, sempre que chegar em casa, coloque-as nesta caixinha, mesa ou porta-chaves. Para evitar surpresas, mantenha neste mesmo local uma cópia reserva das mais importantes. Para as que não são usadas com frequência, vale fazer marcações com etiquetas para indicar o uso e guardar em um segundo lugar, para evitar confusões na hora da pressa.

    Imagem: Getty Images

  • Getty Images

    Controles remotos

    Controles remotos são como meias: vão sempre para o cantinho mais escondido possível. Vamos lá: pense quantas vezes você já teve que enfiar o braço pelas entranhas do sofá para resgatar um desses aparelhinhos! Para evitar que eles se percam, não tem jeito: você vai ter que se habituar a colocá-los sempre no mesmo lugar. Uma boa pedida são as caixinhas para o encaixe desses equipamentos, que podem ser compradas em lojas de decoração. Mas, se você não quiser gastar dinheiro, pode adaptar uma caixa ou bandeja pequena que já possua para agrupas os aparelhos 'fujões'.

    Imagem: Getty Images

  • Getty Images

    Potes

    Talvez os potinhos de cozinha sejam os utensílios que mais 'desaparecem' em uma casa. Além de muitos trocarem de dono com o tempo, outros tantos acabam fora de uso por estarem sem tampa. Para evitar perdas, o ideal é que a tampa seja guardada junto com o pote. Vale reunir as vasilhas em pilhas e colocar as tampinhas enfileiradas dentro de um recipiente maior ou fazer uma divisória na gaveta para este fim. Evite, porém, armazenar os itens fechados, pois eles precisam se manter arejados para evitar o mau cheiro. [Fonte: Fernanda Geiger, consultora em organização] Leia mais

    Imagem: Getty Images

Topo