Casa e decoração

Em SP, "esqueleto" de edifício vai virar hospital

São Paulo - O "esqueleto" de um edifício de cinco andares na Avenida Rubem Berta, na Vila Clementino, zona sul de São Paulo, vai virar um complexo hospitalar, após mais de 10 anos de abandono. Há algumas semanas, uma placa colocada no imóvel anunciou a retomada da construção e também o novo dono, a Intermédica, operadora de plano de saúde vinculada ao Grupo NotreDame.

No local, a empresa vai instalar, com recursos próprios, uma nova unidade de saúde, que será batizada de Hospital 23 de Maio - o valor do investimento não foi revelado. Ontem, as primeiras telas de proteção para a finalização do edifício já foram montadas. A previsão de entrega do edifício remodelado é 2013.

As obras no imóvel foram paralisadas pela última vez em 2000, ano em que a Unimed São Paulo foi liquidada extrajudicialmente e deixou o esqueleto deteriorando-se no local, que abrigaria um hospital daquela operadora de plano de saúde. Antes disso, entretanto, o prédio pertenceu a outros dois grupos da área médica e também foi motivo de disputa judicial por falência das controladoras - o edifício chegou a ir duas vezes a leilão.

Topo