Design

Exposição em Londres trata da Pop Art e a relação entre arte e design

Courtesy Barbican Art Gallery/ BBC
Smoker Banner (1971), assinado por Tom Wesselmann, em exposição na Barbican Art Gallery, em Londres imagem: Courtesy Barbican Art Gallery/ BBC

BBC Brasil

Para celebrar os 50 anos da Pop Art, mais de 200 obras de 70 designers e artistas estão expostas em uma mostra na Barbican Art Gallery em Londres. A exposição, intitulada "Pop Art Design", é a primeira a analisar a relação entre artistas como Andy Warhol, Richard Hamilton e Roy Lichtenstein e o mundo comercial do design: de pôsteres a capas de discos e projetos de arquitetura.

A Pop Art começou nos anos 1950 na Inglaterra, alcançou maturidade na década de 60 em Nova York e se estendeu até os anos 1970. Os artistas que faziam parte do movimento desafiaram o convencional, fazendo naturezas-mortas, com latas de sopa ao invés de girassóis, e estátuas de guimbas de cigarro, em vez de líderes políticos. O objetivo era mostrar a massificação da cultura popular capitalista através da arte.

"Em vez de simplesmente celebrar o espírito de uma época, a exposição lança um olhar mais detalhado sobre o fenômeno pop: a migração de assuntos entre arte e design, e a relação entre objetos do dia a dia e imagem", diz o curador. "Pop Art Design" fica em cartaz até 9 de fevereiro de 2014.

Topo