Design

Prêmio 'Design MCB' escolhe 38 vencedores e cobra "qualidade internacional"

Divulgação
Vencedor da categoria Iluminação: linha Vinte2, com design assinado por Fernando Prado, da Lumini imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

Em sua 26ª edição, o Prêmio Design MCB - realizado pelo Museu da Casa Brasileira – premiou 38 produtos ou protótipos entre os 57 finalistas e 867 inscritos. A premiação teve lugar na sede da instituição, na noite de quinta-feira (22).

Os projetos finalistas e premiados podem ser vistos em uma mostra que segue até dia 13 de janeiro, também no MCB, em São Paulo. São oito categorias, cada qual com duas modalidades (produtos e protótipos): mobiliário, utensílios, iluminação, têxteis, trabalhos escritos, eletroeletrônicos e equipamentos de transporte e de construção.

A seleção é feita segundo critérios como originalidade, concepção formal, inovação tecnológica, adequação ao mercado, viabilidade industrial, segurança e proteção ambiental. As “notas” são dadas por 46 profissionais sob a coordenação do professor e designer Freddy Van Camp.

Segundo a assessoria do MCB, em 2012 o prêmio levou em consideração a adoção de padrões internacionais de acabamento, além da incorporação de novas tecnologias aos produtos.

O concurso deste ano concede R$ 6 mil para o primeiro lugar de cada categoria e R$ 2 mil para o primeiro lugar de cada modalidade protótipo. Como em 2011, será oferecida uma bolsa de estudos em um curso de design - entre julho e agosto de 2013 - na Domus Academy ou na Nuova Accademia Belle Arti Milano (NABA), em Milão.

Serviço

26° Prêmio Design MCB
Exposição: de 23 de novembro de 2012 a 13 de janeiro de 2013
Onde: Museu da Casa Brasileira (Av. Faria Lima, 2705 - Jardim Paulistano, São Paulo)
Informações:  www.mcb.org.br
Topo