Casa e decoração

Aprenda a organizar o emaranhado de fios e cabos dos aparelhos eletrônicos

Getty Images
Para evitar que os fios e cabos criem um emaranhado sob os móveis, organize-os e identifique-os imagem: Getty Images

Marina Oliveira e Thaís Macena

Do UOL, em São Paulo

A vida sem aparelhos eletrônicos é quase impensável: eles estão no quarto, na sala de estar, na cozinha, no escritório e até no banheiro. E se há eletrônicos, inevitavelmente lá estão muitos fios e cabos de energia. Esses fios, quando desorganizados, embaraçam, poluem o visual e resultam em trabalho extra na hora da limpeza.

Para colocar ordem nessa bagunça, o UOL Casa e Decoração conversou com as personal organizers Natalia Zanardi Ortiz, autora do livro “Casa em Ordem” (Editora Alaúde), e Silvana Bessa, que deram dicas fáceis de seguir.

- O primeiro passo para desfazer o emaranhado é desligar todos os aparelhos eletrônicos e retirá-los da tomada. Com cuidado, vá desprendendo cada nó e aproveite a tarefa para limpar os fios, que costumam acumular pó. Um pano úmido é suficiente para esse serviço.

- Os fios ficam mais fáceis de serem escondidos quando estão todos juntos. Por isso, o ideal é planejar a instalação dos principais eletrônicos de modo a deixá-los bem próximos um do outro. Por exemplo, o aparelho de DVD, a TV e o aparelho da TV a cabo devem ser ligados, idealmente, a tomadas contíguas. Porém, se a instalação já está feita e as tomadas disponíveis ficam longe demais para alimentar alguns aparelhos, uma régua de tomadas ou mesmo uma extensão podem resolver o problema. Mas atenção: para usar extensões, réguas de tomada e benjamins  (plugues múltiplos) verifique com um eletricista a intensidade da corrente elétrica suportada por cada item e qual a opção mais segura.

- O mobiliário que possui orifícios de passagem é eficiente em esconder fios de aparelhos como os de TV, DVD ou de videogames. Os "buraquinhos" permitem que os cabos passem por dentro da estrutura e fiquem acomodados atrás do móvel. Em escritórios, por exemplo, uma placa de madeira presa embaixo da mesa pode auxiliar na fixação de todos esses fios.

- É muito importante identificar cada fio e cabo, assim, quando você precisar desligar somente um aparelho, saberá qual é o conector exato. Existem no mercado identificadores de fios, mas etiquetas de papel ou mesmo fita crepe dão conta do recado. Na etiquetagem há dois cuidados a serem tomados: não deixe a parte adesiva à mostra, para evitar o acúmulo de pó, e substitua os identificadores que forem perdendo a aderência.

- O excedente de fios, que geralmente fica caído no chão, deve ser amarrado com abraçadeiras de náilon, fitas com velcro ou até mesmo arames revestidos por plástico, os mesmos usados para fechar embalagens. Porém, se quiser um trabalho ainda mais bem acabado, agrupe os cabos com a ajuda de organizadores específicos para esse fim, em formato de espiral.

- Ganchos adesivos presos à parede, como os usados para pendurar toalhas na cozinha ou no banheiro, e fixadores de fios para a parede evitam que a fiação fique em contato com o chão. Esse recurso facilita não só a limpeza da área, como também ajuda a evitar acidentes.

- No escritório, para manter os cabos do notebook ou do computador sempre à mão, vale investir em um organizador de fios com adesivo que, ao grudar na mesa, deixa os acessórios bem divididos e prontos para serem utilizados.

Topo