Decoração de ambientes

Saiba como compor um ambiente aconchegante para refeições em família

Divulgação
No projeto da dupla Lucas Sonnewend e Natália Traunmüller, o banco de madeira acomoda mais pessoas imagem: Divulgação

Marina Oliveira e Thaís Macena

Do UOL, em São Paulo

Na correria do dia a dia, reunir a família para as refeições se torna um bom momento para o bate-papo entre os moradores da casa. É a oportunidade para saber como foi o dia, contar as novidades, interagir mais com quem você mora, nem que seja por apenas 30 minutos diários. Por isso, para você que deseja investir nesse ambiente dedicado às refeições, o UOL Casa e Decoração conversou com arquitetos e reuniu dicas para montar um espaço que respeite os hábitos da sua família e estimule o convívio entre talheres.

- Ao pensar na área é preciso considerar os hábitos de quem mora com você. As famílias que prezam por praticidade, por exemplo, podem eleger o balcão de uma cozinha americana o local perfeito para comer junto. Já aqueles que procuram por um ambiente para passar mais tempo, relaxar e conversar podem investir numa composição de mesa, cadeiras e até mesmo integrá-lo à sala de estar.

- Se o espaço é reduzido, no lugar das cadeiras, você pode optar por bancos que acolhem mais pessoas sem fazer volume. De quebra, ainda cria um ambiente mais descontraído.

- Grandes espaços ficam mais aconchegantes ao misturar texturas. Para deixar o ambiente mais agradável, uma opção é combinar azulejos decorados com tijolinhos à vista ou papel de parede. A iluminação indireta também ajuda na sensação de acolhimento.

- Mesas retráteis são boas para acomodar as visitas, no entanto, é preciso testar antes de comprar. Isso porque muitos modelos não possuem um mecanismo prático e por ser trabalhoso demais, o móvel acaba ficando sempre aberto ou fechado. Se houver espaço, uma sugestão é investir numa mesa redonda, onde sempre cabe mais um.

- Prefira assentos com design diferenciado, que podem decorar a casa no dia a dia, além de serem úteis quando há mais pessoas que o habitual. Materiais diferenciados, como o acrílico, além de cores variadas, ajudam a compor um cenário informal. Outra dica é ter poltronas em outro ambiente que sirvam também para a mesa de refeição.

- Mobiliário coringa é sempre bem-vindo na área das refeições . Pufes, por exemplo, servem de assentos extras e podem ser utilizados como aparadores ou mesinhas laterais para apoiar a baixela e os utensílios de mesa.

Consultoria: Ana Bumachar, arquiteta; Agnes Manso e Alice Miglorancia do Studio SM2; Flávia Sá, arquiteta e Natália Traunmüller, arquiteta do escritório Sonne Müller Arquitetos.

Topo