Últimas de Estilo de vida

Família produz quase três toneladas de alimentos orgânicos no quintal

Divulgação/ Urban Homestead®
Justin Dervaes (foto), seu pai e suas duas irmãs mantêm a horta orgânica no quintal imagem: Divulgação/ Urban Homestead®

Karine Serezuella

Do UOL, em São Paulo

Já imaginou cultivar no quintal de casa mais de 400 espécies de hortaliças, legumes, ervas e frutas? É o que faz a família Dervaes num terreno com 362 m² em Pasadena, na Califórnia (EUA). Fundado pelo patriarca, Jules Dervaes, o projeto Urban Homestead® produz por ano em média 2.7 mil quilos de alimentos frescos. No quintal, além da horta orgânica e do pomar, há criações de abelhas, galinhas, patos e cabras, que garantem outros mantimentos (mel, ovos e leite) para o sustento desta família vegetariana.

Tchau, gramado! Bem-vinda, horta!

Jules Dervaes sempre se preocupou com o futuro de sua família e com o meio ambiente onde vivem. Após enfrentar um período de seca no sul da Califórnia, no início dos anos 1990, Dervaes resolveu remover o gramado do quintal e substituí-lo por ervas e flores silvestres, que, anos mais tarde, se transformariam em sua próspera horta orgânica.

Em um primeiro momento, os alimentos derivados da “mini fazenda” doméstica eram destinados apenas ao consumo da família. Porém, com o passar dos anos, o solo do terreno urbano, antes duro e pouco fértil, tornou-se uma terra rica em nutrientes, o que gerou o aumento da produção. O cultivo excedente ('in natura' e em conservas) passou a ser comercializado para os vizinhos e, então, para moradores de toda a cidade, além de fornecedores e restaurantes locais. A fazendinha "de quintal" havia se transformado em um negócio bem-sucedido.

Autossuficiente e sustentável

Além da lavoura e da criação de animais, a família Dervaes gera energia através de um sistema de captação solar, aplica a compostagem para fabricação de adubo orgânico e produz biodiesel pela reciclagem de óleos de fritura. Em resumo, a ideia inicial de cultivar sua própria comida se consolidou em um projeto bem mais amplo, pautado na autossuficiência e na sustentabilidade ambiental ao alcance de uma família comum, com recursos médios e bastante disposição.

Urban Homestead em números

  • 362 metros quadrados é a extensão do quintal da família Dervaes
  • 400 variedades de espécies. A horta orgânica reúne esse tanto de plantas no quintal
  • 800 metros quadrados é a metragem total do terreno onde fica a casa
  • 2700 quilos de vegetais por ano é a quantidade média de alimentos orgânicos colhidos
  • 20000 dólares é o valor médio bruto anual alcançado com a venda dos produtos

Para manter a produtividade, Jules Dervaes conta com o trabalho dos seus três filhos Anais, Justin e Jordanne e com a ajuda esporádica de voluntários locais. Em 2001, os Dervaes criaram um site para o projeto, com o intuito de documentar e compartilhar as experiências da família, além de inspirar outras empreitadas como a deles. Se você foi cativado pela história dessa família norte-americana, veja a seguir as dicas de Jordanne e seu pai, Jules, para colocar em prática a ideia de um “quintal produtivo”.

Dicas para o plantio no quintal de casa

  • Getty Images

    Dê atenção ao solo

    Se você não tem uma terra rica em nutrientes, você não terá plantas saudáveis. Por isso, a regra básica dos Dervaes é investir seu tempo nos cuidados com o solo que segundo Jules, é a raiz para uma boa horta. Pense em alimentar a terra, tanto quanto a planta, com um regime que inclua o uso de compostos orgânicos como adubo.

    Imagem: Getty Images

  • Leandro Moraes/ UOL

    Pouco espaço?

    Por conta das áreas limitadas em suas casas, os "agricultores urbanos" devem escolher com bastante cuidado as plantas a serem cultivadas para que os resultados sejam aperfeiçoados. Ao adicionar novas espécies, seja criativo para maximizar o espaço. Use treliças junto ao muro até o centro do quintal para plantar flores e/ou ervilhas tortas.

    Imagem: Leandro Moraes/ UOL

  • Getty Images

    Por onde começar?

    Jules Dervaes sugere começar sua "mini fazenda urbana" com apenas algumas plantas. Por exemplo, inicie com tomates e algumas ervas como o manjericão. Respeite o clima de sua região e dê preferência às espécies nativas, sempre que possível.

    Imagem: Getty Images

  • Getty Images

    E se não der certo?

    Não desista. Converse com outras pessoas que cultivam alimentos orgânicos, pesquise e participe (ou forme) na sua cidade ou mesmo em redes sociais comunidades que apoiem ações como essas.

    Imagem: Getty Images

Fonte: Jordanne e Jules Dervaes

Topo