Casas

Aço e vidro promovem integração com a paisagem em casa de campo

Implantada no sentido norte-sul de um terreno de esquina com quase 4 mil m² de área, a casa situada em condomínio fechado de Bragança Paulista, a 80 km de São Paulo, tem seus ambientes organizados em dois volumes que se diferenciam pela estrutura e pelos fechamentos. Estrutura metálica e a transparência do vidro caracterizam o grande volume retangular de uso social. Já os ambientes íntimos e de serviços têm seus usos protegidos por uma construção convencional, numa organização muito simples e linear, contornando o retângulo de estrutura metálica.

Os espaços de convivência e reunião -uma generosa área de estar com hall, sala, rampa e varanda-, ocupam o volume transparente de estrutura metálica, com pé-direito de seis metros de altura e fechamentos de caixilho de alumínio e vidro. A varanda, um estar aberto para a área de lazer, ocupa cerca de dois terços do espaço.

Para o nascente

Como está voltado para o nascente, esse volume envidraçado recebeu proteção térmica parcial de brises de alumínio junto ao estar. Outra proteção é proporcionada por telas metálicas colocadas em parte do beiral da cobertura. Internamente foi aplicado forro de madeira e, na interface com o bloco de alvenaria, uma abertura permite a penetração da luz.

Em forma de L, o segundo volume tem estrutura de concreto armado e fechamento de alvenaria, e reúne as salas de jantar e de televisão; cozinha, área de serviço e quatro dormitórios.

Como material de acabamento, os arquitetos usaram placas de concreto no piso, cerâmicas na cozinha e banheiros, e massa raspada no revestimento da alvenaria. Telhas metálicas cobrem os dois volumes. 

Aclive natural

A casa está distribuída em dois níveis que acompanham o aclive natural do terreno. A parte social e a de serviço estão na mesma cota, enquanto a área íntima fica meio nível acima.

A circulação é feita por uma rampa situada no eixo da porta de entrada, e por um corredor. Em conjunto, as duas circulações articulam os dois blocos que compõem a residência.

O resultado desta linguagem revelou-se uma obra simples, de fácil compreensão, e de relação bem definida com o terreno e com a paisagem natural. (Éride Moura, colaboração para o UOL)

Ficha técnica

Casa de Vidro, Bragança Paulista (SP)

Projeto de Reinach Mendonça Arquitetos Associados

Detalhes do projeto
  • Área do Terreno 3.934 m²
  • Área Construída 440 m²
  • Início do Projeto 2003
  • Conclusão da Obra 2004
  • Projeto Henrique Reinach e Mauricio Mendonça
  • Equipe Fernanda Stucchi
  • Colaboradores Denise Hino, Ernesto Hirakawa, Luciana Maki, Maurício Takahashi, Mirelle Alves e Rodrigo Nogueira
  • Projeto de Paisagismo Cecília Berlinck
  • Projeto Estrutural - Aço Benedictis Engenharia
  • Construção CPA Engenharia e Construções
  • Projeto de Instalações Elétricas Pessoa & Zamaro
  • Projeto Luminotécnico Lumini
Topo