Casas

Casa na praia tem ambientes integrados e piscina ligada à sauna

Giovanny Gerolla

Do UOL, em São Paulo

A casa Acapulco, no Guarujá, litoral paulista, ocupa um terreno retangular. Mas a impressão é de que, em alguns pontos, nada houvesse. Ao estudar a implantação da residência de quatro dormitórios em dois pavimentos, o arquiteto Flavio Castro dividiu o lote em seis quadrados de mesma dimensão, e imaginou que dois desses blocos, em extremidades opostas, poderiam ser “extraídos” da composição, resultando em “vazios” no térreo: “Um seria a garagem, à frente; outro, uma área de lazer, nos fundos”, conta.

Além desta alternância de vazios, a porção oeste do retângulo abrigaria cozinha, serviços e churrasqueira ao rés do chão, e dormitórios, no primeiro andar. No leste, em busca do primeiro brilho do sol, optou-se pelo uso extensivo de transparência na área social da casa e no alinhamento da garagem e da piscina num mesmo eixo.

Todo o bloco transparente, à esquerda de quem mira a Acapulco a partir da rua, está fechado em vidro laminado e abriga volume de pé direito duplo (5,5 m). No centro desta ala social, uma escada metálica autoportante faz a circulação vertical para área íntima, superior, ao mesmo tempo em que divide estar, jantar e lareira. “Ela acaba funcionando também como um filtro aos olhos de curiosos que passam lá fora”, esclarece o arquiteto.

A ideia de fechar o bloco oeste em alvenaria parte do princípio de que áreas íntimas devem estar protegidas da curiosidade externa. A cor escolhida, verde, acompanha o matiz dado pela vegetação desde a frente do terreno até o recreio dos fundos, onde predominam o gramado e um paisagismo lateral com arbustos. Fresco, para quem vive a poucas quadras do mar.

Desafio aquático

Como não valeria a pena deixar de investir  em uma piscina para tamanho terreno na praia, Flavio Castro decidiu travar custosa luta contra um lençol freático alto demais. “Para poder concretar o buraco escavado, tivemos de contratar uma empresa que, através de perfurações de até seis metros de profundidade, realizou a sucção da água acumulada no solo”, recorda.

O desenho do fundo da piscina foi criado pelo próprio arquiteto, que encomendou da artista Nilza Rezende o desenvolvimento e a execução das placas de pastilhas de vidro. São três tons de azul, montados em trabalho artesanal. Ainda em relação ao equipamento aquático, uma curiosidade: mergulhando, em direção ao fundo do terreno, encontra-se uma passagem subaquática, que dá entrada para o interior de um segundo volume construído, onde fica a sauna.

Não só a obra da piscina, mas todas as dimensões estruturais e o tipo de concreto utilizado na construção da Acapulco levaram em consideração a força que o lençol freático exerce sobre a casa. Um cuidado essencial para que os habitantes e seus convidados possam curtir o melhor descanso, sem preocupações.

Ficha técnica

Casa Acapulco, Praia de Pernambuco, Guarujá (SP)

Projeto de Flavio Castro

Detalhes do projeto
  • Área do Terreno 518 m²
  • Área Construída 334,29 m²
  • Início do Projeto 2006
  • Conclusão da Obra 2007
  • Projeto Flavio Castro
  • Projeto de Arquitetura Flavio Castro
  • Projeto de Paisagismo Flavio Castro
  • Projeto Estrutural - Concreto Engas Engenheiros Associados ? Osny Machado de Lima Jr.
  • Gerenciamento da Obra Flavio Castro e José Claudio Magalhães
  • Projeto de Instalações Elétricas W Mirham
  • Projeto Luminotécnico Flavio Castro
Topo