Últimas de Estilo de vida

Casa no PR tem estrutura de "edifício" resistente, durável e cara

Ledy Valporto Leal

Do UOL, em São Paulo

Arrojo e simplicidade se unem no projeto da NSN House, criado pelo escritório Biselli e Katchborian Arquitetos Associados. Situada num condomínio em Curitiba (PR), a casa de um jovem casal com dois filhos pequenos se baseia em um programa bastante consagrado para uma residência (ambientes sociais no térreo e íntimos no superior). A ousadia, entretanto, recai sobre o sistema construtivo em concreto armado, onde utiliza-se a técnica da protensão (aumento de resistência da estrutura dada por cabos de aço de alta resistência tracionados e ancorados no próprio concreto), recurso usado em menor escala em espaços residenciais.

Vencendo um vão de dez metros, capaz de assegurar continuidade visual entre exterior/ interior, onde estão salas de estar e jantar, cozinha e copa, tais lajes protendidas apresentam balanços laterais de até seis metros em ambos os lados e garantem um efeito escultural para o volume construtivo.

Sem piscina, com lareira

A implantação, em formato U, favorece a criação de espaços integrados e voltados para o pátio ajardinado. Ao redor distribuem-se os ambientes de lazer: de um lado está a sala de TV; de outro, a churrasqueira, a sauna e uma banheira de hidromassagem. No centro, sob o vão livre, os ambientes têm fechamento por grandes painéis de vidro e caixilharia de alumínio.

Não há piscina, posto que o clima frio predominante na capital paranaense dispensa sua presença. Em compensação, foram instaladas duas lareiras, uma no estar e outra na sala de TV, para aconchegar os moradores em dias gélidos. Ao explicar o projeto, o arquiteto Mario Biselli afirma que “é um projeto típico da arquitetura contemporânea brasileira, com espaços contínuos e integrados, adequados ao nosso clima”.

Volume composto

A sobreposição parcial das lajes de cobertura dos blocos laterais criou volumes independentes em relação ao pavimento superior, onde estão os dormitórios. Tal solução implicou na necessidade de rebaixar em 50 cm o piso da sala de TV, preservando o pé-direito generoso e adequado ao aplicado nos demais ambientes.

Os quartos, aliás, estão dispostos lado a lado e voltados para a face norte, onde se abre o pátio gramado e se descortina a paisagem formada pelos morros com vegetação intensa. Essa fachada é marcada pelos painéis corrediços executados em madeira cumaru e pela caixilharia recuada nos dois dormitórios centrais, de modo a permitir a criação de uma varanda comum. Na extremidade leste, a suíte do casal ganhou ainda uma sutil angulação que dá maior dinamismo à volumetria. Ali, a empena cega de concreto também recebeu um rasgo horizontal que reforça a iluminação do interior.

Os materiais empregados nesta construção criam um contraste harmonioso: na composição há concreto aparente, madeira cumaru e arenito vermelho aplicado em placas de 70 cm x 35 cm, além de vidro e alumínio. O volume é amplo e leve, delicadamente composto.

Ficha técnica

NSN House, Curitiba (PR)

Projeto de Biselli e Katchborian Arquitetos Associados

Detalhes do projeto
  • Área Construída 460,3 m²
  • Início do Projeto 2011
  • Conclusão da Obra 2014
  • Projeto Biselli e Katchborian Arquitetos Associados
  • Equipe Mario Biselli e Artur Katchborian
  • Projeto de Arquitetura Mario Biselli e Artur Katchborian
Topo