Casas

Casa térrea dos anos 1970 transforma-se em sobrado, mas preserva características originais

Ledy Valporto Leal

Do UOL, em São Paulo

O maior desafio do projeto de reforma assinado pela arquiteta Marina Adell foi respeitar a memória da construção da década de 1970, adequando-a às necessidades dos novos moradores. “Em vez de demolir, preferimos transformar a casa térrea num sobrado”, conta a arquiteta.

O processo

Localizada no bairro de Vila Nova Conceição, zona sul da capital paulistana, a casa com 300 m² de área construída ocupa um terreno de esquina de 400 m² e, além da estrutura, teve mantidos a porta de entrada e o muro de pedra, elementos escolhidos pelo casal de moradores e suas duas filhas. No mais, paredes foram demolidas para ampliar os espaços e integrá-los aos jardins externos.

Assim, os antigos pequenos cômodos do térreo foram transformados em espaços generosos de estar e jantar, todos com grandes aberturas para os jardins através de portas-balcão de vidro duplo em esquadrias de madeira ou de alumínio. O projeto de Marina Adell também manteve intacta a laje, mas providenciou um reforço estrutural com vigas metálicas para suportar a carga do novo pavimento. O uso de materiais naturais como pedra e madeira reforçou o espírito de resgate do projeto com alguns toques contemporâneos.

Detalhes memoriais

Na entrada, a porta de ferro verde foi totalmente restaurada e seu desenho, preservado. No hall, o piso recebeu tratamento original: placas de porcelanato Roca e faixas laterais de cerâmica Brennand verde, no mesmo tom das folhas e esquadrias. O restante do piso é fruto do aproveitamento do telhado de peroba-rosa recortado em tábuas e aplicado em toda a ala social.

No estar, o destaque fica para a janela de esquina, semelhante a uma “bay-window” que concede uma atmosfera de jardim de inverno ao ambiente. O jantar se abre totalmente para o exterior, num clima muito agradável para as refeições. O recém-criado pavimento superior reserva-se á área íntima: lá estão as suítes do casal e das filhas, a saleta de leitura e a rouparia.

A decoração foi enriquecida com peças antigas de família, como um console com espelho e um aparador com base de máquina de costura de época. Soluções sustentáveis e alternativas de conforto térmico também foram adotadas, como o uso de aquecimento solar conjugado com gás, vidros duplos, lareira a gás, ventilação cruzada e beirais para proteção solar.

Ficha técnica

Casa dos anos 1970, São Paulo (SP)

Projeto de Marina Adell Arquitetura

Detalhes do projeto
  • Área do Terreno 400 m²
  • Área Construída 300 m²
  • Conclusão da Obra 2009
  • Projeto Marina Adell
  • Colaboradores Arquiteta Maria Augusta Von Zuben
  • Projeto de Arquitetura Marina Adell Arquitetura
  • Projeto de Paisagismo Rodrigo Oliveira
  • Projeto Estrutural - Concreto Freitas Guimarães
  • Construção Construtora Shimada
  • Projeto de Instalações Elétricas DMA Engenharia
  • Projeto Luminotécnico Marina Adell
Topo