Casas

Menos paredes e mais cores

Design assinado, obras de arte, um fogão a lenha, tecidos de várias estampas e texturas e tons vibrantes – como não podia deixar de ser. Tudo isso em um único espaço, sem divisórias. Estes são os elementos que traduzem o projeto de decoração, de uma casa em um condomínio fechado de Maresias, praia do litoral norte de São Paulo, assinado pela designer de interiores Neza Cesar.

O primeiro contato com a casa dá a impressão de um estilo moderno. Mas ao reparar nos detalhes, é nítida a mistura de elementos de décadas passadas, com alguns de fato atuais e outros mais clássicos. “Essa é a graça da releitura, o novo pode ser adotado sem precisar dispensar o antigo. O objetivo não é acompanhar moda e tendências, mas trazer à tona a essência do proprietário da casa, seus desejos e sonhos”, resume a decoradora.

Atualmente, a casa é usada para veraneio, mas a ideia da família é mudar-se para lá no futuro. Esse desejo influenciou bastante as escolhas da decoradora. “Por isso, criei ambientes amplos e confortáveis”, explica Neza. “E mais: evidenciei uma atmosfera de beleza, com peças artísticas e de design, para corresponder aos desejos do proprietário”, explica Neza.

Mudanças na estrutura definiram a decoração
Não seria exagero dizer que para alcançar o objetivo principal do projeto, o primeiro passo foi botar abaixo todas as paredes do piso térreo, alterações que foram feitas ainda na planta durante a construção da casa. Feito isso, o resultado foi um enorme espaço, de 52 m2, onde foi preciso definir muito bem as dimensões de cada um dos ambientes – cozinha, living, sala de jantar e sala de televisão – para personalizar a decoração de acordo com as preferências e necessidades do dono da casa, que gosta de cozinhar e receber amigos. “Tudo na casa era muito apertado, então duplicamos a área do living e o integramos à cozinha e à sala de televisão, que por sua vez é integrada à sala de jantar. Seguimos um conceito de loft mesmo”, descreve a decoradora. Assim, Neza Cesar concretizou o desejo do proprietário de manter todos, família e convidados, em contato, embora cada um possa se dedicar a atividades diferentes.

Depois de alterar toda a estrutura da planta original no piso térreo e decidir qual seria o conceito de convívio da casa, a segunda etapa foi partir para o acabamento e decoração. “O proprietário queria investir em beleza e qualidade. E claro, muita cor. Ele tem um senso estético incrível e o desafio foi unir essa expectativa do belo com praticidade e conforto, outras duas exigências dele”, conta Neza Cesar.

Para compensar esse movimento de cores e formas, Neza optou por um piso branco, neutro, feito de cimento queimado com pó de mármore. “É uma técnica de que eu gosto bastante”, diz. Neza reconhece, entretanto, que o cimento queimado é uma técnica complicada e requer uma mão de obra impecável, por isso adotou um fabricante como parceiro em seus projetos.

O segredo da paleta de Neza Cesar
A própria decoradora reconhece: “Quem contrata o meu trabalho, sabe que eu gosto de cores e provavelmente quer isso mesmo”, diz. De fato, as cores são a alma das criações de Neza. “Acho que cor é arte, é calor e faz toda a diferença em um ambiente”, define.

Para chegar aos resultados coloridos deste trabalho, ela explica o que ponderou na hora de criar: “segui a intuição, não penso muito em combinar, mas no final preciso sentir um equilíbrio. Não fui misturando qualquer cor, mas me preocupei com a harmonia, que vem no resultado, com o conjunto dos elementos. Porém, dentro desse universo, costumo prezar mais o caos do que a ordem”. (Isabela Leal, colaboração para o UOL)
 

Ficha técnica

Casa em Maresias, São Sebastião (SP)

Projeto de Neza Cesar

Detalhes do projeto
  • Área Construída 400 mº
  • Início do Projeto junho de 2006
  • Conclusão da Obra outubro de 2008
  • Projeto Escritório de Estilo - Neza Cesar
  • Equipe Cristina Myasaka e Ivo Sakamoto
  • Projeto de Paisagismo Gil de Fialho
  • Projeto Luminotécnico Cia de iluminação
Topo