Vida em casa

Você está pronto para dividir as contas e a casa com alguém?

Getty Images
imagem: Getty Images

Dividir a casa, as despesas e um tantinho mais da vida com alguém, seja o companheiro, amigo(s) ou até um parente pode ser complicado, mas também promove grandes aprendizados. Claro, se você estiver disponível. Confira se está na hora de dar esse passo, através do teste elaborado pelo UOL com a colaboração de Ghoeber Morales, psicólogo e mestre pela PUC (Pontifícia Universidade Católica), de São Paulo.

  • Getty Images

    Não, precisa aprender a se organizar

    Suas respostas indicam que você ainda não está preparado para dividir o seu espaço, principalmente porque não tem certas noções de limpeza e organização. Na convivência, esses detalhes tendem a pesar, a menos que você encontre alguém com o mesmo perfil que o seu: "totalmente desencanado". "Os bagunceiros crônicos só vão poder dividir a casa com pessoas que não ligam para os maus hábitos que eles cultivam. Mas poucos conseguem conviver com a desorganização", afirma Morales.

  • Getty Images

    Não, tem dificuldade de compartilhar

    Você ama organização e planejamento, tanto que chega a ser sistemático. A grande questão é: pessoas assim, geralmente, tendem a cobrar o mesmo tipo de comportamento daqueles com quem convivem e isso pode inviabilizar a relação, uma vez que esta depende da aceitação mútua e do consenso. "Nesse caso, o melhor é estabelecer regras ou combinados, discutidos previamente. Isso evita conflitos e desgastes, caso você queira ou precise dividir seu espaço com alguém", diz Morales.

  • Getty Images

    Não, precisa controlar o humor instável

    Conviver com você é para quem gosta de fortes emoções! Para dividir o mesmo espaço com alguém, você precisa trabalhar um pouco mais a organização, o planejamento financeiro e, principalmente, a estabilidade emocional. "Para tornar a convivência mais fácil, é essencial adotar uma postura mais leve. Além disso, é importante estar aberto para adaptar-se a novos hábitos e estilos de vida", afirma o psicólogo.

  • Getty Images

    Sim, está pronto!

    Suas respostas indicam que você sabe respeitar a própria individualidade e a do outro, que tem prazer em compartilhar e o melhor: tem maturidade para dialogar quando os problemas surgem. Além disso, é medianamente organizado, gosta de dividir tarefas e é flexível. "Uma pessoa pronta é aquela que já sabe, de antemão, que os conflitos existirão. Mesmo assim, está disposta a abrir mão de uma coisa ou outra em nome de uma convivência pacífica, sem sofrer muito com isso", diz Morales.

Topo