Casamento

Buquês sóbrios e de folhas secas combinam com outono; veja opções

Daniela Venerando

Do UOL, em São Paulo

Outono é caracterizado pelo clima ameno e as folhas ressecadas. A estação que começou nesta quarta (20) e vai até 20 de junho, com tons mais sóbrios, também inspira a decoração dos casamentos da época. Nos buquês, as noivas podem investir nas flores da época, como alstroeméria, mosquitinho, rosa, tulipa, hortênsia, gardênia, cravo, dália, lírio e narciso, entre outras.

"Para marcar o outono, aposto em tons pastel, pêssego, bege, marrom, laranja, verde e verde-musgo. E ainda prefiro folhas pequenas, em vez das exuberantes que são mais usadas no verão", diz Sylvia Planet, da Fleur d’Épices. A florista Lídia Freixo também aposta em uma palheta mais escura, mas destaca a importância dos detalhes. "Para o buquê ficar mais alegre, incluo rosas de diferentes tonalidades e incremento com sementes para trazer requinte".

Segundo Sylvia, os tons mais sóbrios também podem ser adquiridos com buquês de flores preservadas. "Esse tipo de flor não é seca e conserva as propriedades naturais da planta, como a maciez. Mas a flor passa por um processo de preservação em que pode ganhar outras tonalidades."

Outra opção que é a cara da estação são os buquês de folhas secas. A maioria das noivas prefere manter as cores características do outono --marrom ou tons alaranjados e avermelhados--, mas as folhas podem ser tingidas de azul, por exemplo. "Essa é uma alternativa para quem quer sair do convencional, mais indicada para um casamento durante o dia ou no campo, que combina com uma linguagem rústica, mas elegante", diz Fabiana Moura, da Bouquet Boutique.

Tanto as flores preservadas quanto as secas têm a vantagem de durar mais tempo, já que podem ser guardadas e não sofrem tanto com o tempo. Os buquês de flores preservadas, por exemplo, chegam a durar 15 anos.     

Topo