Organização do casamento

Transmissão do casamento é opção para casais com familiares no exterior

Victor Silva/Arte UOL
Além de diminuir a distância entre pessoas queridas, a transmissão do casamento também é opção para quem optou por um "mini wedding", mas que não quer deixar amigos e parentes imagem: Victor Silva/Arte UOL

Mayara Alves

Do UOL, em São Paulo

Com a transmissão on-line e ao vivo do casamento, convidados já não têm mais como arranjar desculpas para não comparecer ao evento. Transmitir o "grande dia", com a ajuda de uma equipe especializada, já é uma possibilidade e ótima saída para que mais pessoas, além das que estão presentes, possam acompanhar a cerimônia. “Muitos casais procuram a transmissão on-line por ter familiares fora do estado ou do país. A possibilidade também deixa o casamento mais próximo daquela pessoa que, por algum imprevisto, não pôde comparecer ao 'grande dia'. Tudo isso de maneira prática e simples”, conta Marcos Caviccioli, proprietário da Grand Royal Filmes.

Foi o que aconteceu no casamento de Angela Maria Puckett e Ronald Walter Puckett. Eles se casaram no dia 8 de setembro de 2012, com uma festa para 180 convidados. “Mas foram mais de 1.000 pessoas on-line! Como o Ronald é norte-americano, optamos pela transmissão ao vivo, para que a família e os amigos que eram dos Estados Unidos pudessem assistir à cerimônia. No fim, familiares e colegas no Brasil que não puderam comparecer também aproveitaram a iniciativa”, lembra Angela.

Além de diminuir a distância entre pessoas queridas, a transmissão é uma opção para quem optou por um "mini wedding", mas que não quer deixar amigos e parentes que não foram convidados de fora. Assim, mais pessoas queridas podem acompanhar.

Como funciona?
Basta um computador, tablet ou celular conectado à internet para ter acesso à transmissão. A exibição acontece em tempo real e, em alguns casos, ainda permite a interação dos convidados distantes com os noivos, por meio de um chat. “A única coisa que precisamos para que a transmissão aconteça é que tenha um ponto de internet no local da cerimônia”, lembra Marcelo Augusto Garcia, proprietário da Senóide Produções e Casamento Show.

O serviço funciona, basicamente, com uma ou duas câmeras HD em conjunto com um aparelho que codifica o som e imagem e envia para um servidor que reproduz todo o conteúdo em tempo real. E o pacote pode variar, desde toda a transmissão do dia, cerimônia e festa, como apenas da cerimônia.

“Diferentemente da TV, onde o tempo para cobertura dos eventos tem que se encaixar na grade dos programas existentes, na transmissão ao vivo dos casamentos não temos este problema, pois o vídeo será exclusivamente para esta finalidade. Poderá passar toda a cerimônia, a recepção, vídeos pré-gravados dos noivos, depoimentos de familiares e até mesmo entrevista ao vivo com eles”, conta Tony Vaz, proprietário da Casamentos na Net.

Os preços variam de R$ 900 a R$ 3.600, dependendo do pacote escolhido. A inclusão de vídeos prontos, entrevistas, apresentação em telões, quantidade de câmeras e tempo de duração são os fatores que podem influenciar o preço. E, dependendo do pacote, os noivos ainda podem ficar com o vídeo da transmissão guardado como lembrança.

Formalidades
Na hora de preparar os convites, Júlio Céu, assessor de casamento da empresa Santo Casamenteiro, recomenda que seja tudo feito da forma tradicional, desde o 'save the date' até o convite impresso, mesmo para aqueles que assistirão à cerimônia on-line. E foi assim que Angela fez em seu casamento. “Fizemos um único tipo de convite, no qual colocamos as informações acerca da cerimônia, da festa e sobre a transmissão online, avisando em que site aconteceria”, conta a noiva.

Quanto à lista de presentes, ela também deve funcionar normalmente. “São pessoas que têm uma ligação muito forte com os noivos. Só acompanha um casamento on-line quem realmente gosta do casal e faz questão de dar presentes”, comenta Júlio Céu. E Daniela Rodrigues, da Dani&Cris Ideias e Eventos, ainda reforça: “Os que não puderam comparecer ao casamento foram convidados assim como todos. Logo, devem fazer parte da lista de presentes. Independentemente da distância, eles compõe a lista de convidados para o evento”.

Topo