Casamento

Modelo da gravata deve combinar com estilo do noivo e da cerimônia

Marcelo Testoni

Do UOL, em São Paulo

Enquanto a noiva é facilmente identificada entre as convidadas, o noivo precisa arranjar maneiras para se destacar entre os demais homens presentes. Para isso, ele deve dar atenção a poucos, mas não menos importantes, detalhes da vestimenta, além de escolher com cuidado o terno ou smoking. A gravata está entre um dos acessórios fundamentais do visual e deve ser selecionada com cuidado e de acordo com a ocasião. Para ajudar o noivo a encontrar a gravata ideal, o UOL Casamento organizou um guia com opções de para cada tipo de cerimônia:

DIA OU ESPORTE FINO
A gravata slim --de modelagem simples, alongada e fina de ponta a ponta-- é ideal para ser usada quando a cerimônia de casamento vai ser descontraída, isenta de regras de vestuário e sem grandes ostentações. "É uma peça com modelagem simples e prática, perfeita para casamentos de manhã ou no início da tarde, em que não há muito tempo para o noivo se aprontar", explica a consultora de moda Ana Vaz.

Como usar?
Modelos casuais, como este, acompanham ternos de um só tom e ajustados no corte. Também fazem o estilo de noivos mais moderninhos. Com camisa branca, a gravata se destaca em qualquer opção de cor, do verde ao vermelho. "As estampadas com pequenos desenhos geométricos combinam com lenços de bolso e, quando observadas à distância, criam lindos efeitos óticos durante o dia. Se o noivo optar por uma gravata preta e lisa, por exemplo, deve priorizar tecidos de seda opaca, menos chamativos e brilhantes ao sol", diz Ana.

Homens se atrapalham ao dar nó em gravata

Dica: "Ao ar livre, em cerimônias realizadas no campo ou na praia, as versões feitas de fibras naturais, como algodão e linho, agregam funcionalidade ao traje casual chique", garante a consultora têxtil Mitiko Kodaira. Isso porque a composição absorve o suor, refresca a pele e não retém odores. Ternos de sarja e camisas de cambraia combinam com gravatas de tons pastel, como azul bebê e rosa claro, ou, então, poás, para um visual despojado e romântico.



NOITE OU BLACK TIE
Em casamentos mais sofisticados, é preciso apresentar produção impecável e postura elegante. "Perfeita para superproduções, a gravata borboleta arremata o traje black tie com elegância e representa, ao mesmo tempo, uma sugestão atemporal e divertida, digna de homens de estilo ousado", afirma o estilista Mario Queiroz. Este também é o modelo ideal para complementar o smoking. No entanto, o noivo também pode optar por gravatas mais robustas e elaboradas para a ocasião, caso esteja de terno. E nada impede que noivos mais descolados misturem a gravata borboleta com um terno claro, para cerimônias despojadas. Basta ter estilo.

Como usar?
"Para ajustá-la às medidas do colarinho e render um efeito original, aconselho as versões ajustáveis, sem laço feito", orienta Ana Vaz. Homens com pescoços mais finos podem investir em modelos com nó pré-pronto. Para a cartela de cores, branco e prateado contrastam com roupas escuras e chamam a atenção para o rosto do noivo. Modelos com brilho e fios metalizados geralmente são produzidos com tecidos nobres. "Gravatas em shantung, tafetá e jacquard de seda apresentam tramas com texturas, desenhos em relevo e harmonizam com coletes de alfaiataria", diz Mitiko.

CERIMÔNIA RELIGIOSA OU PASSEIO COMPLETO
Na cerimônia religiosa, na presença do líder espiritual e das testemunhas, é importante que o noivo inspire respeito e autoconfiança. A gravata comprida e larga nas laterais é a melhor aposta. "Ela realça a virilidade, mas não veste bem todos os tipos físicos. Homens de ombros largos ou atléticos aparentam ser ainda mais másculos; em rapazes baixos ou magros demais, o efeito é o contrário", explica a consultora de moda Ana Vaz

Mario Queiroz apresenta outro ponto de vista. Para ele, esse modelo de gravata está sendo redescoberto pela nova geração de noivos. "Acho que a grande oferta da modelagem slim contribuiu para a gravata larga não ser mais tão usada e, por isso, agora atrai jovens mais seletivos."   

Como usar?
Versátil para o dia e para a noite, esse acessório é um curinga para disfarçar medidas. Quando estampada com motivos abstratos e linhas verticais, a gravata larga evidencia o tronco e desvia os olhares das laterais do corpo. O acessório combina com ternos lisos e padronagens sutis, como o xadrez príncipe de gales. Sobreposto a camisas finas de seda, oferece caimento fluido. Tecidos maleáveis, como cetim vison e cetim duchese, confeccionam modelos com acabamento brilhante e, comparados aos tradicionais modelos em poliéster, seguram os nós por mais tempo.

Topo