Comportamento

Folha de S.Paulo

Imagino que haja pouco movimento no seu quarto da UTI. Além de um bipe em ritmo, bipe, bipe, bipe, marcando um compasso melancólico. O som das máquinas pode lembrar a introdução de um tango sofrido. Todo tango é uma despedida. Como esse bipe do quarto que pode ser sua morada final.

topo