Comportamento

7 dicas para os eventos corporativos não acabarem com a sua dieta

Getty Images
A primeira dica é não vá ao evento com fome; faça um lanche leve imagem: Getty Images

Luciana Mattiussi

Colaboração para o UOL

Eventos corporativos como um almoço de negócios ou um coquetel para clientes são ótimas oportunidades para estreitar relações profissionais e crescer na carreira. Ao mesmo tempo, porém, eles podem acabar com a sua dieta. A boa notícia é que, mesmo diante de tantas tentações, é possível comer bem, fazer contatos e manter o peso. Basta seguir as dicas abaixo.
  • 1 - Não vá com fome

    "Fazer um lanche leve, como um iogurte, pouco antes de ir, pode ajudar a não exagerar", afirma Marcio C. Mancini, chefe de endocrinologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (Universidade de São Paulo). A nutróloga Liliane Oppermann, diretora da ABMO (Associação Médica Brasileira de Ortomolecular), concorda com Mancini e dá mais uma orientação. "Não esqueça de também tomar bastante água para ficar hidratado."

  • 2 - Planeje o que vai comer

    O ideal é optar por restaurantes com opções variadas, que possibilitem a composição de refeições leves e balanceadas. "Evite ficar analisando as diversas opções que o local oferece e procure ter em mente o que pedir. Isso facilitará a escolha", afirma Bruna Albano, nutricionista da Food Coach - Consultoria Nutricional Suzana Bonumá, de São Paulo. Caso a escolha seja por um restaurante com esquema de bufê, a endocrinologista Cláudia Schimidt, de São Paulo, recomenda "olhar toda a bancada e escolher o que vai comer antes de começar a montar o prato".

  • 3 - Faça a escolha certa

    Na hora de se servir, comece sempre pela salada. "Assim você não estará com tanta fome na hora do prato principal", fala Thaís Eliana Carvalho Lima, nutricionista do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. A especialista orienta a dividir o prato --mentalmente-- em quatro partes. "Reserve duas para as verduras e legumes, uma para os carboidratos (arroz, batata ou massas) e a última parte para a proteína (carne, frango, peixe ou ovos). Caso o restaurante só tenha refeição à la carte, escolha opções que também levem essa proporção em conta, fugindo das carnes e dos molhos gordurosos", diz.

  • 4 - Diga não

    Evite o couvert e fuja das frituras e dos empanados. "Esses alimentos podem ter até quatro vezes mais calorias do que a mesma comida preparada de outras formas", diz a endocrinologista Cláudia. O ideal é também deixar de lado o consumo de líquidos durante as refeições, principalmente refrigerantes e bebidas alcóolicas. "Os líquidos consumidos com a comida comprometem todo o processo digestivo, diluindo o suco gástrico e atrapalhando a ação de enzimas importantes. Se for indispensável, limite-se a, no máximo, 200 ml por refeição", declara a nutricionista do Einstein.

  • 5 - Hora da sobremesa

    Esqueça os doces hipercalóricos e aposte nas frutas. "Prefira as menos calóricas, como abacaxi, melão e morango", diz a nutróloga Liliane. Outra dica da especialista para substituir o doce é o bom e velho cafezinho. "Pode ser um aromático ou com aquele chocolatinho de menta, por exemplo. Ele traz um sabor diferente para finalizar a refeição e com menos calorias."

  • 6 - Não se deixe influenciar

    Durante o almoço de negócios, alguém pergunta se você está de dieta? Não dê muita importância e mude de assunto. "Não valorize o fato de estar fazendo dieta. Muitas vezes, a pessoa quer ser educada e diz que você não precisa seguir uma, o que é um convite para se sabotar", fala a nutróloga Liliane.

  • 7 - Lei da compensação

    Não conseguiu resistir e exagerou. Compense durante o resto do dia. "Reduzir as calorias da refeição seguinte pode auxiliar a equilibrar o gasto energético das 24 horas. Aumentar a atividade física também é uma boa opção", diz Mancini. Para fazer essa redução, a nutricionista Bruna recomenda diminuir as porções e adaptar a composição do prato. "Prefira alimentos ricos em fibras e proteínas, que vão ajudar no controle da saciedade. Escolha para o jantar uma salada com sementes e um grelhado ou uma sopa, com uma proteína com baixo teor de gordura", afirma. Não fique sem comer nem faça loucuras. Coma de forma saudável e não deixe de fazer sua atividade física habitual.

Topo