Comportamento

Rostos imaginários em comida, prédios e objetos viram febre no Instagram

Reprodução/Instagram
Hashtag "iseefaces" (eu vejo rostos, em tradução livre) se espalhou pela rede social imagem: Reprodução/Instagram

Poderia ser mais uma fruta qualquer no café da manhã apressado da inglesa Lammy, que vive e trabalha em Cingapura. Mas ela jura ter visto o rosto de um golfinho em sua banana. Click!

Lammy não está sozinha: a foto que tirou com seu smartphone se uniu a, pelo menos, outros 370 mil cliques associados à hashtag #IseeFaces (algo como #EuvejoRostos, em tradução livre do inglês) no Instagram.

Além de animais em cascas de frutas, usuários da rede social de fotos se divertem sugerindo conjuntos de olhos, bocas e narizes em edifícios, hidrantes, tomadas elétricas, ferros de passar roupa, painéis de carro, cascas de árvores e poças d'água. A lista é longa.

Reprodução/Instagram
Perfis para "encontrar rostos" começaram a aparecer por conta da nova moda imagem: Reprodução/Instagram


A moda se espalhou a ponto de perfis especializados em encontrar rostos onde eles não existem começarem a pipocar pela rede. Caso do @Storytime_faces, cuja descrição é quase um pedido de ajuda: "eu não consigo parar de ver rostos".

No mesmo embalo, a hashtag #IseeFaces se desdobrou em centenas de "subprodutos", como #IseeFacesEverywhere ("VejoRostosPorTodosOsLados"), #IseeFacesinPlaces ("VejoRostosemLugares") e #IseeFacesinmyKitchen ("VejoRostosnaMinhaCozinha").

Reprodução/Instagram
Cerca de 370 mil cliques associados à hashtag pipocam no Instagram imagem: Reprodução/Instagram

Uma versão em português da hashtag também aparece, ainda tímida, na rede. Cerca de cem compartilhamentos associados a #EuvejoRostos ou #EuvejoFaces podem ser encontrados no Instagram --a maioria dos brasileiros na rede, entretanto, prefere usar a hashtag na língua de Shakespeare. Já #VeoCaras, versão em espanhol da brincadeira, apareceu quase 17 mil vezes.

A BBC Brasil conversou com adeptos do #IseeFaces em locais tão distintos quanto Rússia e países asiáticos como Coreia do Sul, Cingapura, Malásia, Tailândia e Indonésia. Eles autorizaram a reprodução de seus registros --espalhados ao longo desta reportagem.

Reprodução/Instagram
A diversão sugere encontrar olhos, boca e nariz em edifícios, hidrantes etc imagem: Reprodução/Instagram

Você também pode mapear rostos imaginários ao redor do mundo: use #IchseheGesichter para encontrar as faces registradas por alemães. Quer ver rostos imaginários em finlandês? Tente #näentässänaaman.

Para encontrar variações em diferentes de idiomas, experimente traduzir "I see Faces" em ferramentas on-line como o Google Tradutor. Copie e cole o resultado (sem espaços), começando pelo caractere # e divirta-se!

Topo