Comportamento

Você tem tendência a se isolar? Faça o teste e confira dez dicas para driblar a solidão

RENATA RODE

Colaboração para o UOL

Você dá a mesma atenção à vida pessoal e à rotina profissional? Quantas vezes desmarcou compromissos sociais por falta de tempo ou disposição? “Pode parecer um desgastado clichê, mas, nas últimas décadas, a sociedade foi, gradativamente, valorizando mais o ter do que o ser", diz Marivaldo Gouveia, teólogo e psicólogo clínico de São Paulo. Segundo ele, equilibrar a rotina com compromissos sociais e profissionais dará uma visão mais abrangente da vida e, consequentemente, uma rotina mais prazerosa e saudável.

O profissional ainda ressalta a importância do descanso em meio a tantas atividades e cobranças. “O sistema nervoso central pode trabalhar intensamente por até três horas e, então, precisará de uma pausa, mesmo que breve". Fora do trabalho, o especialista diz que é preciso procurar atividades de lazer, na companhia de amigos ou familiares, pois são essenciais para a saúde emocional e a física.

Dez passos para driblar a solidão

Cecília Russo Troaino, psicóloga e autora do livro “Aprendiz de Equilibrista”, da Editora Generale, enumera dez dicas para que você evite o isolamento:Thinkstock

1. Mesmo que não possa ter contatos regulares com seus amigos, busque-os nas redes sociais. Você se atualiza sobre a vida deles, conversa, não perde datas de aniversário e é uma maneira de manter uma ligação;
2. Programe-se para almoçar com um amigo a cada 15 dias. Se dá para marcar reuniões de trabalho, por que não agendar um almoço com alguém querido e manter esse compromisso?;
3. Use e abuse de todos os meios de contatos: celular, internet, e-mail, redes sociais. Falta de conexão não é desculpa para se isolar. Escreva, telefone, mande uma mensagem... Não perca o contato;
4. Gerencie bem o tempo. Quanto mais coisa fazemos, mais cavamos tempo. É questão de organizar a agenda e encontrar um horário para esse contato com o mundo. Ele é necessário;
5. Faça passeios, dos mais simples, mesmo que só! Cinema ou andar pelo shopping é um bom pretexto para ver gente. Você pode encontrar um conhecido e parar para um café, mesmo que seja por dez minutos. Isso areja;
6. Não espere ter uma tarde inteira livre para sair da rotina. Use os poucos minutos que sobram. Melhor um encontro meia hora com um amigo que não vê-lo por dois anos! Use o tempo que você tem. Não fique sonhando com o improvável (para não dizer impossível!);
7. Dividir tarefas é um bom jeito de abrir espaços na agenda. Se no trabalho não dá para fazer isso, ao menos faça em casa, com quem mora com você. Se vive só, não há desculpa! Deixe a louça suja e vá tomar um café com uma boa companhia
8. Marcar encontros às 18h, uma vez por semana, pode ser uma boa opção para escapar do trânsito. Relaxe com amigos e vá para casa depois, quando o congestionamento estiver menor;
9. Escolha atividades físicas ou esportes onde você possa interagir com as pessoas. Aulas de dança e grupos de corrida são bons espaços para um ótimo bate-papo, além de saudáveis;
10. Esqueça todas as desculpas e empecilhos que você criou para fugir das sugestões acima. Coloque-as em prática. Ao menos tente... Elas vão lhe ajudar a ter uma vida mais feliz.

 

Topo