Relacionamento

Conheça dez mitos sobre homens que atrapalham a vida amorosa das mulheres

Leo Gibran/UOL
Não é possível generalizar o comportamento, já que a maneira de agir do parceiro vai depender do outro imagem: Leo Gibran/UOL

Catarina Arimateia

Do UOL, em São Paulo

Os homens só pensam em cama. E, claro, eles não são nada fiéis, nem ao menos conseguem ser amigo de uma mulher sem pensar "naquilo".  Quando saem com amigos, com certeza é para aprontar. Mais insensíveis do as mulheres, adoram as submissas e fogem das inteligentes. Delicado e gentil? Então, não tem “pegada”. E como eles adoram uma cena de ciúme para esquentar a relação.

Em algum momento da vida, homens e mulheres já ouviram uma das frases acima - ou todas. Tidas como “verdades”, atrapalham relacionamentos e podem levar a frustrações e rompimentos. Isso significa que todas são mentirosas? Sim, se generalizarmos. “Qualquer generalização é perigosa e burra”, diz Eduardo Ferreira-Santos, psiquiatra, psicoterapeuta e autor do livros “Ciúme, o Lado Amargo do Amor” (Editora Ágora).
 
Segundo o psiquiatra, o comportamento humano é extremamente individualizado, ainda mais quando tratamos de casais, já que muitas vezes a maneira de agir de um dos parceiros vai depender do outro. Além do mais, de acordo com o especialista, “é impossível ter uma mostra de pesquisa que contemple todas as variáveis”. Ou seja, não há como um homem ser tudo ao mesmo tempo: infiel, insensível, obcecado por sexo e, ainda, todos eles se sentirem atraídos por mulheres submissas e pouco inteligentes.
 
Para  falar sobre os maiores mitos, o UOL Comportamento entrevistou, além do psiquiatra, Margareth dos Reis, psicóloga e terapeuta sexual e de casais, Juliana Bonetti Simão, psicóloga especializada em relacionamentos e Margareth Signorelli, especialista em relacionamento e terapeuta. 

Os homens só pensam em sexo
“Não é verdade. Os homens pensam também em sexo, mas não só nele”, fala Ferreira-Santos. De acordo com ele, por questões culturais, o homem sempre viveu mais a sua sexualidade, mas hoje as mulheres também estão lidando mais abertamente com o sexo. “Na verdade, homens são mais compartimentalizados do que as mulheres, ou seja, se estão pensando em intimidade, darão atenção para isso; se há uma reunião de trabalho, o pensamento estará direcionado ao assunto, e assim por diante”, afirma Margareth dos Reis. “ 
 

Não existe homem fiel
Juliana Bonetti Simão discorda. “Homens fieis existem. Há aqueles que gostam de estar apenas com as mulheres com quem têm intimidade afetiva e sexual”, diz ela. Para Margareth Signorelli, a suposta infidelidade masculina é uma crença adquirida na infância, um conceito repetido há gerações, o qual ouvimos e absorvemos sem ao menos questionar se é ou não verdade. Margareth dos Reis resume a questão, “O ser humano não é monogâmico por natureza, mas, sim, por opção. Existem homens fieis assim como existem mulheres infiéis”.

Homem não consegue ser só amigo de mulher
Ser ou não ser apenas amigo dependerá do interesse que o homem tem naquele momento e por aquela determinada mulher. “Um homem que já tem uma paixão ou um amor, por exemplo, é fiel a isso e não terá olhos para outra. Portanto, ele pode perfeitamente ser amigo de outras mulheres sem ter interesse sexual", diz Ferreira-Santos. Para Juliana Bonetti Simão, a relação entre homem e mulher não precisa ser sempre erotizada. Sendo assim, uma amizade verdadeira entre os dois sexos não só pode como existe. 
 
Eles adoram mulheres submissas
“Os homens precisam admirar a mulher que têm. E a submissão não é uma característica admirável”, fala Margareth Signorelli. Segundo o psiquiatra Ferreira-Santos, a submissão ficou no passado. “Quanto mais ela ficasse na cozinha, melhor”, diz ele. Hoje, as mulheres têm papéis mais ativos. E são valorizadas pelos homens por isso. Atualmente, como lembra Margareth dos Reis, as mulheres dividem com os homens comandos, espaços e funções. “O que acontece é que, às vezes, um estranha o lugar que o outro está ocupando”, declara a psicóloga. 
 
 
Homens são mais insensíveis que as mulheres
Na verdade, eles ainda são educados para não demonstrar emoções, o que não significa que não as tenham. “Os homens sentem da mesma forma, o diferente é a maneira de expressar os sentimentos, principalmente por motivos culturais”, comenta Ferreira-Santos. Frases como “homem não chora” ainda hoje são ouvidas. Mas há mudanças de comportamento, conforme aponta Margareth dos Reis. “A maior convivência com os filhos, atualmente, está favorecendo os homens e eles estão descobrindo coisas que não conheciam. Uma delas é demonstrar mais as emoções”. E, como afirma Ferreira-Santos, às mulheres sempre foi permitido demonstrar abertamente – “e escandalosamente” – os sentimentos. Aos homens, não.        
 
Quando um homem sai com um amigo, é para aprontar
"Não necessariamente", diz Margareth Signorelli. Para ela, eles até podem fazer comentários sobre um bumbum bonito que está passando, mas rapidamente retomam o assunto interrompido. Assim como as mulheres não dispensam um bate-papo com as amigas, os homens também gostam de sair com os amigos para conversar, jogar bola ou tomar uma cervejinha. E sem outras intenções.
 
Homens gostam de cenas de ciúmes para esquentar a relação
Nada mais longe da verdade. “Muitos homens não suportam cenas de ciúme, já que isso pode detonar a relação”, afirma a psicóloga Juliana Bonetti Simão. O psiquiatra Ferreira-Santos concorda e vai além. Para ele, o que o homem gosta é do zelo, do cuidado que a parceira tem com ele. “Ciúme, quando começa a incomodar, é um veneno e acaba corroendo o relacionamento. É ruim tanto para o homem quanto para a mulher.”
 
Homem delicado e sensível não tem “pegada”
Para a psicóloga Juliana Bonetti Simão, aí está uma afirmação bastante relativa. "Um homem pode ser incrível para uma mulher e um fiasco para outra. Se há sensibilidade e vontade, há também terreno para que se desenvolva um repertório afetivo e sexual que modifique qualquer primeira impressão”, afirma ela. Além do mais, de acordo com a especialista em relacionamento Margareth Signorelli, se vai ou não ter "pegada" é algo que só dá para descobrir na hora "H", na cama. E nesse momento tudo pode ser uma surpresa.
 
Homens têm medo de mulheres inteligentes
“Homens inteligentes querem mulheres inteligentes. E podem até se sentir envergonhados ao terem mulheres burras ao lado. A mulher inteligente valoriza o homem. Eles não gostam de mulheres dominadoras, e aí não importa o QI", afirma o psiquiatra Ferreira-Santos. O importante, segundo a psicóloga Margareth dos Reis, é encontrar interesses em comum que possam ser compartilhados – "a conversa de igual para igual é sempre o melhor caminho".
 

Sim, tamanho é documento
Para Ferreira-Santos, de todos os mitos, este é o que mais está em aberto. "Já ouvi várias declarações, tanto aquelas que dizem que tamanho é documento, quanto as que dizem que não. Tudo depende do casal. O problema são os exageros, para mais ou para menos", diz ele.

  
Topo