Comportamento

Seu parceiro anula a sua personalidade?

Você se sente oprimida, já que o tempo todo cede para satisfazer as vontades dele? Ou se deixa levar pelos mimos e cuidados do amado? Para descobrir como anda o relacionamento de vocês, e que atitude tomar para melhorá-lo, faça o teste desenvolvido com a consultoria da psicóloga Suzy Camacho, de São Paulo

  1. 1010

    A sua relação seria perfeita se houvesse mais...

    Getty Images
  • Getty Images
    [[pts]] de 90 pontos

    Garota mimada

    O seu parceiro nem deve saber qual é a sua verdadeira personalidade. Ou ele é mega, ultra, super apaixonado por você, ou tem baixa autoestima e acredita que uma mulher só pode amá-lo pelas coisas que oferece, e não pelo que é. No começo, tanto mimo pode até soar interessante, mas com a convivência, tamanha devoção cansa - e você pode procurar um parceiro com quem compartilhar mais as coisas.

  • Getty Images
    [[pts]] de 90 pontos

    Escrava do amor

    "No começo, é comum ceder às vontades do parceiro, de vez em quando, na tentativa de agradar. Trata-se de uma fase de adaptação", diz a psicóloga Suzy Camacho. Se com o passar do tempo isso acontece sempre, é sinal de baixa autoestima e de uma visão distorcida do amor. "Há quem acredite que só merece ser amado se fizer o que o outro gosta", diz Suzy. Esse tipo de relação raramente tem futuro, porque envolve sacrifício.

  • Getty Images
    [[pts]] de 90 pontos

    Rainha tirana

    Seu parceiro não anula a sua personalidade, já que seu egoísmo não dá espaço para nada. "Muitas mulheres que sofreram nas mãos de ex-namorados opressores acabam agindo do mesmo modo em novas relações. Para evitar tudo aquilo novamente, elas acabam assumindo um comportamento tirano", avalia Suzy Camacho. Lembre-se: o meio-termo é um dos segredos dos romances felizes e saudáveis.

  • Getty Images
    [[pts]] de 90 pontos

    Boa parceria

    Você e seu namorado/marido estão de parabéns! Nota 9 para vocês! Nota 9? Por que não 10? Bem, vocês conversam sobre tudo e costumam chegar a acordos satisfatórios para ambos. Mas, confesse: nas suas fantasias você não gostaria que o seu parceiro tomasse as rédeas das situações ou fizesse algumas surpresas de vez em quanto? Já que a parceria de vocês é tão produtiva, não tenha medo de abrir seu coração.

Topo