Comportamento

Você deixa o passado atrapalhar o presente?

Thinkstock
imagem: Thinkstock

Descubra a partir do teste elaborado com a colaboração da psicóloga Vânia Calazans, especializada em terapia cognitivo comportamental pela USP (Universidade de São Paulo)

  • Thinkstock

    Deixa e tem consciência disso

    Suas respostas indicam que, no momento de decidir algo, você recorre ao repertório de experiências acumuladas, mas acaba se prendendo aos insucessos. Talvez porque, ao longo da vida, tenha aprendido a valorizá-los. Para viver de maneira mais plena, é essencial se livrar desses condicionamentos. "Quando identificamos que o comportamento atual tem relação com uma situação vivida e que isso está trazendo prejuízos, é preciso refletir e buscar a mudança. Se necessário com a ajuda de um psicólogo", diz a psicóloga Vânia Calazans.

  • Thinkstock

    Deixa, mas não percebe

    Ao que parece, seus erros e frustrações do passado estão interferindo o tempo todo em sua vida atual. Por isso, você manifesta insegurança e baixa autoestima, principalmente diante de situações desafiadoras, preferindo fugir a enfrentá-las. "As experiências de fracasso podem ficar gravadas como um registro cerebral. Elas dão origem a crenças incapacitantes, que precisam, antes de tudo, ser identificadas", diz a psicóloga Vânia Calazans. Feito isso, em vez de se culpar pelos erros, tente aprender com eles, para seguir adiante mais forte e confiante.

  • Thinkstock

    Não deixa e evita acessar as lembranças

    De duas uma: ou você conseguiu sublimar suas experiências difíceis ou decidiu simplesmente não tomar conhecimento delas. O fato é que elas não parecem ter influência alguma nas suas ações e decisões. "As experiências passadas têm sempre uma representação no presente e não devem ser ignoradas", diz a psicóloga Vânia Calazans. Ela afirma, no entanto, que a forma de lidar com o passado é uma escolha. "Pode-se perpetuar a sensação de incapacidade, frustração e baixa autoestima ou buscar recursos internos para enfrentá-la", fala a especialista.

  • Thinkstock

    Não deixa, mas também não foge dele

    Suas respostas sugerem que as experiências passadas que refletem no seu presente são aquelas que tiveram um significado afetivo-emocional mais importante. E, aparentemente, você soube aproveitá-las, pois tende a lidar de forma madura e equilibrada com as situações novas e desafiadoras, utilizando as lições aprendidas. "Quanto mais se puder extrair benefícios das situações vividas, maior a sensação de confiança e a capacidade de enfrentar dificuldades", diz a psicóloga Vânia Calazans.

Topo