Bebês

Nova geração de papinha quer ser versão saudável do potinho industrializado

Thamires Andrade

Do UOL

Alimentar os filhos de forma saudável, mesmo sem ter tempo para preparar uma refeição caseira, é um desafio para muitos pais. De olho nessa oportunidade, diversas empresas foram criadas para ofertar papinhas naturais e congeladas para bebês. Mas esse tipo de refeição é mesmo adequado para as crianças?

De acordo com Priscila Maximino, nutricionista do Centro de Dificuldades Alimentares do Instituto PENSI do Hospital Infantil Sabará, em São Paulo, a papinha congelada pode ser utilizada sem danos ao bebê. “No entanto, é evidente que a comida fresca tem aroma, sabor e textura incomparáveis”, fala a especialista.

A nutricionista reconhece que a opção pode ser uma boa, principalmente quando a rotina dos pais é alterada –muitas vezes por fatores alheios à sua vontade--, e é uma alternativa melhor em comparação à papinha industrializada. “O congelamento é o melhor método de conservação de alimentos, pois dispensa o uso de qualquer tipo de aditivo ou conservante químico. Portanto, a papinha fresca e a congelada têm o mesmo fator nutricional e calórico”, afirma.

Uma outra opção para os pais, segundo Priscila, é ofertar parte da refeição fresca e outra congelada. “As frutas e legumes podem ser oferecidos frescos às crianças”, diz Priscila.

A nutricionista também afirma que as papinhas congeladas não devem ser mantidas no freezer por muito tempo, sendo essencial seguir as orientações do fabricante, pois cada preparo tem um prazo próprio.

  • Divulgação

    Papinha da Vovó

    O cardápio da Papinha da Vovó (www.papinhadavovo.com.br) foi desenvolvido com ingredientes 100% naturais por nutricionistas com formação em gastronomia. Há mais de 380 opções de pratos que se alternam entre as estações do ano, com o cardápio da primavera/verão e o de outono/inverno, para a sazonalidade das matérias-primas. Caldos de carnes, creme de aspargos frescos e sopa de linguado com cenoura, batata e amaranto são algumas das opções disponíveis. A loja conta com opções de pratos frescos e congelados e tem sua matriz em Londrina (PR) e filiais em Campinas (SP) e Santos (SP).

    Imagem: Divulgação

  • Divulgação

    Empório da Papinha

    Atualmente em mais de 30 cidades do Brasil, a Empório da Papinha (www.emporiodapapinha.com.br) oferece papinhas orgânicas para bebês a partir de seis meses. Há opções com frutas, como a Gabi, feita de melancia, banana e maçã, ou as sopas cremes, como a Léo (foto), feita de carne bovina, cenoura, batata e agrião. Os produtos podem ser encontrados no Amazonas, Pará, Maranhão, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Alagoas, Sergipe, Bahia, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

    Imagem: Divulgação

  • Divulgação

    Goumertzinho

    O Gourmetzinho (www.gourmetzinhopapinhas.com.br) nasceu da preocupação do chef Amilcar Azevedo em oferecer uma comida saudável e saborosa para o próprio filho. Ele e a mulher e sócia, Karol, resolveram ofertar essa opção para outros pais, que, na correria do dia-a-dia, nem sempre conseguiam cozinhar. O cardápio foi elaborado com o apoio de pediatras e nutricionistas. As papinhas --que não levam conservantes-- são divididas em três fases, que seguem a idade da criança. Peito de frango, feijão branco e espinafre e ossobuco, feijão fradinho e agrião são algumas das opções disponíveis. As papinhas podem ser encontradas em São Paulo, Santos (SP) e Campinas (SP).

    Imagem: Divulgação

  • Divulgação

    Papá Gourmet

    A Papá Gourmet (www.papagourmet.com.br) produz papinhas e comidas congeladas orgânicas, destinadas a crianças de seis meses até sete anos. Papa de inhame com frango e ervas (foto), papá de carne com mix de vegetais e papá de carne à brasileira são algumas das opções disponíveis no cardápio. A empresa também conta uma linha de sobremesas e snacks, como bolachinhas e cookies de aveia. As papinhas são vendidas em São Paulo e Jundiaí (SP).

    Imagem: Divulgação

  • Divulgação

    Papababa

    Criada pela chef Diana Brito e pela designer Eve Roumilhac, a Papababa (www.papababa.com.br) oferece papinhas naturais feita por nutricionistas com ingredientes orgânicos. No cardápio, cada papinha têm a indicação de idade, ingredientes e se é sem glúten ou lactose. É possível encontrar combinações como a "Confete" (foto), com arroz branco orgânico, açafrão, vagem, ervilha, cenoura, milho e patinho moído orgânico. As papinhas podem ser compradas frescas ou congeladas, sendo que as frescas duram cinco dias na geladeira, e as congeladas, 30. A loja fica localizada na rua João Cachoeira 233, Itaim Bibi, São Paulo.

    Imagem: Divulgação

Topo