Infância

Hospital britânico lança aplicativo para melhorar sono de crianças

Evelina Children's Hospital London
Aplicativo colobara para que os pais tratem distúrbios do sono dos filhos imagem: Evelina Children's Hospital London

Um hospital britânico lançou um aplicativo gratuito para ajudar a melhorar a qualidade do sono de crianças e adolescentes.

O "Kids Sleep Dr" foi criado por médicos do Evelina Children's Hospital de Londres e já está disponível para iOS e pode, inclusive, ser baixado por usuários no Brasil. Versões para Android e Windows devem ser lançadas em breve.

A partir do exame dos padrões de sono de crianças e adolescentes, o aplicativo dá aconselhamento personalizado aos pais como, por exemplo, lidar com distúrbios do sono ou convencer adolescentes insones a dormir.

Segundo especialistas, uma boa noite de sono é crucial para o desenvolvimento de uma criança.

Paul Gringras, professor de medicina do sono infantil, afirma que há uma grande lista de espera de pais que querem marcar consultas para seus filhos devido a problemas do sono, o que significa que os médicos estão vendo apenas "a ponta do iceberg".

Hora de dormir

O hospital, então, desenvolveu o aplicativo que dá orientações para pais de crianças entre zero e 16 anos que enfrentam diferentes problemas de sono, nas várias fases do desenvolvimento.

Os pais informam detalhes sobre a hora e o local em que a criança dorme, quanto tempo ela passa em frente à televisão ou de alguma tela de dispositivo eletrônico e a quantidade de consumo de bebidas com cafeína.

Depois de cinco dias registrando a rotina de sono da criança, como horários e se a criança acorda durante a noite, o aplicativo fornece o aconselhamento personalizado, caso o padrão de sono fuja da normalidade.

Há crianças de cinco anos que, por exemplo, "acordam toda noite gritando, não reconhecem os pais e os empurram", diz Gringas à BBC.

"O aplicativo vai informar que isso é um terror noturno (distúrbio do sono comum entre crianças de três a oito anos, que gritam e se debatem em pânico, sem estarem acordadas) e vai acontecer com 10% das crianças nessa faixa etária", diz o especialista.

Ele afirma que esse distúrbio é superado pelas próprias crianças, mas o aplicativo dá dicas para os pais lidarem com a situação.

Em outro cenário, o "Kids Sleep Dr" pode aconselhar os pais de adolescentes que só conseguem dormir muito tarde (e acabam ficando cansados durante a aula) para se exercitarem durante a tarde, o que pode ser tão poderoso quanto remédios para dormir.

"Não são aquelas dicas diárias irritantes, é um aconselhamento personalizado", fala o professor.

O aplicativo também tem cores mais escuras e próximas ao laranja, para minimizar a quantidade de luz azul emitida pelo dispositivo eletrônico - que, segundo especialistas, prejudica o sono.

Sem médicos

Para Gringras, o aplicativo pode substituir consultas para problemas simples, mas não será suficiente em casos mais graves como narcolepsia ou apneia do sono obstrutiva.

A psicóloga e terapeuta infantil Tanya Byron afirma que "muitas crianças são afetadas por problemas do sono que podem ter um grande efeito na família inteira".

"Sabemos que os pais conhecem os filhos melhor do que ninguém e tenho certeza de que o aplicativo 'Kids Sleep Dr' vai ajudá-los a compreender e gerenciar melhor os problemas de sono dos filhos", diz.

Topo