Gravidez e filhos

Menino dos quíntuplos deve ter alta na semana que vem

Junior Lago/UOL
Quíntuplos na UTI neonatal pediátrica do hospital Sepaco, na zona sul de São Paulo imagem: Junior Lago/UOL

Do UOL, em São Paulo

 

Arthur, o único menino dos irmãos quíntuplos nascidos em 13 de abril, já está com 2.225 gramas e deve ser o primeiro a receber alta, na semana que vem. Ele está em berço comum (fora da incubadora) e respirando sem auxílio de nenhum suporte. 

As meninas Melissa, Laís, Gabriela e Giulia, que completam o quinteto, também evoluem bem, segundo os especialistas do hospital Sepaco, em São Paulo, local em que eles nasceram.

Arthur mama diretamente no peito da mãe, Karina Bárbara Barreira, desde maio. Melissa e Lais, ambas com 1.930 gramas, também estão em berço comum, mas ainda recebem complemento alimentar.

Melissa mama no peito e iniciou o método canguru, que consiste em manter o bebê preso, na posição vertical, contra o peito da mãe por, pelo menos, uma hora diária.

Laís ainda treina para aprender a mamar. Segundo Lúcio Flávio Peixoto de Lima, pediatra e coordenador da UTI Neopediátrica do Hospital Sepaco, o treinamento consiste na sucção não nutritiva, na qual um fonoaudiólogo usa o próprio dedo para ensinar a criança a sugar.

As gêmeas idênticas Gabriela e Giulia, 1.635 gramas e 1.230 gramas respectivamente, seguem na incubadora com aleitamento por sonda até ganharem peso suficiente para serem transferidas para um berço comum.

Topo