Gravidez e filhos

Mãe perdoa melhor amiga que atropelou sua filha

Reprodução/Facebook
Cassie Miller e Brynn Johnson superaram a tragédia e continuaram amigas imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

 

Há um ano, Brynn Johnson, 32, sofreu a dor de perder uma filha. De acordo com o periódico britânico "Daily Mail", Rowyn, de um ano e quatro meses, morreu atropelada pela melhor amiga de Brynn, Cassie Miller. Apesar da tragédia, Brynn perdoou a amiga.

O acidente aconteceu quando Cassie foi levar o filho mais velho de Brynn, Wyatt, para a escola com seu filho, Easton. "Ele estava chorando, pois não queria ir, então, nós duas tentamos animá-lo. Ela foi buscar algo para ele em casa e foi aí que a Rowyn saiu de casa e desceu da varanda. Achava que ela estava lá e dei a ré para estacionar o veículo", relembrou Cassie em entrevista ao jornal britânico.

"O carro bateu nela, nunca vou esquecer desse momento. Sai do carro e comecei a tentar reanimá-la. A ambulância chegou e eu e Brynn nos ajoelhamos na grama e começamos a rezar por um milagre. Quando descobrimos que ela morreu, lembro de gritar, chorar e pedir mil desculpas à minha amiga. Estava em choque, não acreditava no que tinha acontecido. Todo dia me sinto culpada pelo que aconteceu, é horrível", afirmou Cassie.

Reprodução/Facebook
Brynn Johnson comemora o nascimento da filha mais nova, Mynrow imagem: Reprodução/Facebook

Apesar da tragédia, as duas mulheres se mantiveram fortes e juntas uma da outra. Brynn nunca culpou Cassie pelo que aconteceu. Determinadas a tirar algo de bom dessa situação, as duas criaram a “Raise for Rowyn”, uma ONG dedicada a ajudar famílias que sofreram a dor de perder uma criança.

Cassie, inclusive, foi uma das primeiras pessoas a conhecer a filha recém-nascida da amiga, Mynrow. "O parto dela foi muito emocionante para nós, pois foi no mesmo hospital em que tive a Rowyn. Coloquei uma foto dela e podia sentir que ela estava lá com a gente. A cada dia ao lado da Mynrow, eu me sinto melhor. Ainda sinto falta da minha outra filha, tenho certeza de que ela está olhando pela nossa família", contou Brynn.

Topo