Gravidez e filhos

Seu bebê não para de chorar? Cantar vai acalmá-lo, afirma estudo

Getty Images
Música acalma bebês mais do que conversa imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

 

Um estudo da Universidade de Montreal, no Canadá, descobriu que bebês se acalmam duas vezes mais quando ouvem músicas em vez de conversas, mesmo que as canções estejam em idiomas estrangeiros. As informações são do jornal britânico “Daily Mail”.

Pesquisadores da área de psicologia selecionaram 30 bebês saudáveis para a pesquisa. As crianças foram expostas a gravações de conversas de outros bebês e de adultos, além de ouvirem músicas turcas, com as quais não tinham familiaridade.

As gravações foram reproduzidas até que os bebês fizessem cara de choro, um sinal comum de desconforto.

Quando ouviram as canções, os bebês ficaram calmos por cerca de nove minutos. Já quando escutaram as vozes de outros bebês ou de adultos, ficaram tranquilos por apenas metade do tempo.

O estudo demonstrou que bebês são embalados pela música, o que sugere que eles têm capacidade mental de se sentirem cativados pelo ritmo das canções tanto quanto os adultos.

À reportagem do jornal, a professora Isabelle Peretz, uma das envolvidas no projeto, explicou que muitos estudos anteriores já haviam analisado a forma como o canto e a fala afetam a atenção de crianças, mas o objetivo dessa nova pesquisa era avaliar se os bebês são capazes de desenvolver autocontrole diante de situações de estresse. Os cientistas acreditam que sim.

Eles afirmam também que a descoberta é importante, sobretudo, para as mães ocidentais, que tendem a falar mais com as crianças, perdendo a chance de utilizar as propriedades calmantes do canto.

Caso não consigam cantar, os pais podem simplesmente reproduzir a gravação de uma canção para os bebês. Os resultados são os mesmos, dizem os pesquisadores. 

Topo