Horóscopo

Céu de dezembro de 2012: o último mês do ano favorece reviravoltas e fortes transformações

Barbara Abramo

Do UOL, em São Paulo

O último mês de 2012 chega com forte acento na transformação. Unidos, Mercúrio, Vênus e Saturno confrontam valores e apontam novas acomodações no mundo financeiro, em âmbito global. Marte em Capricórnio junta a sua garra e determinação ao conjunto destes astros, o que promove um início de mês perfeito para planejamento financeiro, político e cultural. A somatória destes astros ressalta a força da tenacidade focalizada em propósitos sociais e coletivos que visem a segurança da espécie e sua sobrevivência.

O Sol em Sagitário evolui para um aspecto importante com Júpiter em Gêmeos, na primeira semana também. Nesse período, são as comunicações que ficam afetadas e é possível haver panes e perdas de contato. Viver acima das posses, prometer sem cumprir e exagerar na dose de superficialidade serão atos condenados socialmente. Países terão de rever algumas regras de comércio internacional também. A Lua minguante em Virgem, no dia 6, é um chamado à razão e traz a oportunidade de filtrar e peneirar promessas e separar o que pode ser feito em termos econômicos do que não vale mais a pena. O sucesso de negociações internacionais, que envolvem pacificação de conflitos, fica subordinada a este contexto complicado e que inclina a desacordos por diferenças de interpretação.

Na segunda semana, melhores prognósticos: Mercúrio em Sagitário arma ótimo aspecto com Urano, das renovações e das invenções, que retoma movimento direto, promovendo a harmonia entre conhecimento prático e tecnologia. É bem possível que venhamos a saber de algum dado novo e interessante sobre o universo que nos abarca, através das naves que estão viajando no espaço.

A Lua nova em Sagitário ocorre no dia 13. Esse é o momento de semear fé, esperança e entusiasmo. Ainda é a época dos grandes rituais e das promessas para um ano novo melhor.  Signo da ética, da justiça, dos contatos com crenças distantes e das relações exteriores, Sagitário promove a aproximação das culturas, a visão de mundo ampla e abrangente. Para o Brasil, é um momento maravilhoso para trabalhar as relações com os países amigos, estreitando consórcios, convênios, acordos e tratados internacionais que visem futuros benefícios para todos os povos.

Na segunda quinzena, Vênus adentra o espirituoso Sagitário, e seu contato rápido e poderoso com Urano, de 19 a 21 de dezembro, favorece reviravoltas positivas para projetos brasileiros --especialmente aqueles feitos mediante acordos com países amigos. Possivelmente, também saberemos algo novo e bom que envolve a grande mídia em projetos internacionais, melhoramentos nos aeroportos e, como dito acima, acordos internacionais devem ser firmados.

Neste período, ainda acontece a Lua crescente em Peixes. Pode ser um momento de alagamentos e problemas com navios e transportes de carga pesada nos mares --é provável que algumas dificuldades nos mares sejam observadas. Justamente neste período, ocorre a data tão propalada do "fim de ciclo" dos antigos maias. Marcado para sexta (21), esse dia traz a entrada do Sol em Capricórnio e da Lua em Áries, ambos formando aspectos estimulantes com outros astros. Sem dúvidas, esse é um momento de esperanças para os povos, em que o entusiasmo e a natureza surpreendente da vida serão ingredientes positivos de mudança.

Música, arte e dança são estímulos e meios para comemorar a entrada do verão no hemisfério Sul. A temporada de tempestades começa para valer e promete alguns abalos nas redes elétricas --com Lua e Urano em tensão astral. Quem vai viajar nestes dias deve tomar cuidado com excesso de lotação nos aeroportos devido a adiamento de voos.

Próximo ao Natal, Sol e Saturno privilegiam decisões estratégicas de âmbito administrativo federal. Leis e regras nascidas neste período terão mais chance de se estabilizar. Pode haver nomeação de pessoas reconhecidas para cargos de envergadura no Brasil. No mundo, será um período de restrições, realismo e limitações impostas por uma ordem econômica que pede mais frugalidade e menos consumo inútil.

Em 28 de dezembro, ocorre a Lua cheia em Câncer, promessa de encontros artísticos poderosos no âmbito popular.  Neste fim de ano, o cenário astral estará tenso, pedindo calma e cuidado. Marte em Aquário promete confrontos ideológicos agressivos em certas regiões do mundo. Marte e Urano, em aspecto suave, indicam favorecimento de iniciativas empresariais ligadas à tecnologia, invenções, eletricidade e aviação.

Na virada do ano, Sol, Marte e Plutão estarão agindo em prol da responsabilidade comum e do envolvimento pessoal em batalhas que ajudem os povos a se sentirem mais seguros em uma ordem mundial em mudança. Que o ano de 2013 chegue com a promessa de mais paz mundial!

Topo