Horóscopo

Saiba quais são as missões de cada signo do zodíaco em 2015

Rogério Doki/Arte UOL
O ano de 2015 será regido pelo planeta Marte imagem: Rogério Doki/Arte UOL

Barbara Abramo

Do UOL, em São Paulo

Regido por Marte, o astro da guerra e da luta pela vida, o ano de 2015 terá foco na ética e promete transformar a vida de todos. Quem não andar na linha precisará arcar com as cobranças impostas por Saturno em Sagitário, até dezembro de 2017. O planeta, que comanda o tempo, também propõe missões para cada signo neste ano, veja a seguir.

A missão dos signos em 2015

  • Áries

    Até março, os arianos precisarão dar provas de autocontrole e paciência, mas Marte traz energia e disposição de sobra para eles lutarem. O objetivo será se pautar por uma vida justa e com padrões rigorosos. Júpiter em Leão, até meados de agosto, proporciona fé na busca. Depois desse período, será preciso exercitar a humildade e a flexibilidade.

  • Touro

    A missão dos taurinos será a de se esforçarem para abrirem seus caminhos, com firmeza e fé. Os nativos deste signo persistente contarão com Júpiter a seu favor, a partir de agosto; as taurinas viverão uma fase de grande fertilidade. As pessoas de Touro precisarão ainda aprender a negociar bem com clientes e parceiros, já que as finanças vão exigir mais controle ao longo ano.

  • Gêmeos

    Tornar a casa mais gostosa, melhorar as relações com familiares e resgatar antigos sonhos são as metas do geminiano em 2015. Júpiter alargará as perspectivas, promovendo também mais abundância financeira e viagens. Saturno em Sagitário propõe escolher, com muito rigor, as companhias e os amores. Por isso, o nativo de Gêmeos buscará a verdade ou terminará de vez uma relação desequilibrada.

  • Câncer

    Há duas missões importantes para o nativo de Câncer este ano: incorporar metas pessoais às profissionais e manter controle do tempo na vida cotidiana e no cuidado com a saúde. Até março, sob a tensão de Urano e Plutão, é importante focar nas ambições profissionais, mas ficar alerta à organização familiar.

  • Leão

    Não permitir que o medo seja uma camisa de força que impeça a alegria é o foco do leonino. A intenção é tentar colocar em pratica talentos e dons, iniciando algo novo e pessoal, que estimule a alegria e a consistência verdadeira ao presente. A partir de setembro, com melhora financeira prometida por Júpiter, será mais fácil para o nativo conseguir exercer toda a sua criatividade.

  • Virgem

    Criar um ambiente íntimo sólido e confiável, em que possa criar raízes e fornecer abrigo seguro às pessoas queridas é o grande objetivo neste ano. Os virginianos contam com o entusiasmo de Júpiter, a partir de setembro, que traz fé e autoconfiança. Com visão mais clara, aceitarão bem os desafios de Marte: melhorar a comunicação e equilibrar as finanças, tornando-se mais independentes.

  • Libra

    Urano e Plutão prometem tornar o cotidiano do libriano instável até março. No mesmo mês, o governo de Marte inspira o nativo de Libra a confrontar parcerias, clientela, cônjuge e associados. Podem haver rompimentos e a meta será a de confiar no que é justo, valendo-se do diálogo para esclarecer pontos de vista diferentes. Em setembro, Júpiter dá prosperidade e certeza interior de como seguir.

  • Escorpião

    Quem comandará o ano, a partir de março, é Marte, regente do signo: um bom sinal. Combativo e focado em resultados, o escorpiano terá fôlego para enfrentar as tensões do primeiro semestre com muita criatividade. O objetivo será organizar a vida prática e os rendimentos em novas bases, mais realistas e flexíveis. Júpiter ainda ajuda, desde setembro, a ampliar a visão de mundo.

  • Sagitário

    Saturno chega com força em Sagitário, impondo limitações aos desejos e restrições aos movimentos dos nativos. O desafio será estabelecer o que é prioridade e seguir um ritmo ordenado. Ser autêntico e focado tem preço; o sagitariano terá de filtrar o que o mundo cobra e escolher aquilo que vale a pena acatar. Júpiter facilitará a meta, ampliando as chances profissionais a partir de setembro.

  • Capricórnio

    Saturno em Sagitário marca a época de começar o balanço dos últimos 14 anos, período em que muita coisa mudou na vida do nativo. O intuito será o de resgatar sentidos e direções mais claros, que devem surgir com as avaliações que serão feitas. Júpiter distribui aos capricornianos proteção em dose dupla a partir de setembro, com novos sentidos espirituais à vida e viagens.

  • Aquário

    A missão do aquariano será reavaliar e ajustar seu relacionamento com amigos e associações, clubes ou entidades a que pertence. Algumas não passarão no rigoroso crivo que o nativo fará; outras permanecerão e se tornarão pontos fortes de apoio para o futuro. Júpiter muda de Leão para Virgem em setembro, protegendo as finanças e estimulando novas parcerias.

  • Peixes

    Saturno em Sagitário e Júpiter em Virgem dão o tom da maior meta do pisciano: ser relevante no plano profissional. As pessoas desse signo terão que dar seu melhor para fazer jus a uma carreira de respeito. Chefes e autoridades rigorosos exigirão mais. Júpiter, regente de Peixes, mostrará os parceiros certos para ajudar. Enfrente a vida, aceite desafios profissionais e prove do que é capaz.

A missão dos signos em 2015

  • Áries

    Até março, os arianos precisarão dar provas de autocontrole e paciência, mas Marte traz energia e disposição de sobra para eles lutarem. O objetivo será se pautar por uma vida justa e com padrões rigorosos. Júpiter em Leão, até meados de agosto, proporciona fé na busca. Depois desse período, será preciso exercitar a humildade e a flexibilidade.

  • Touro

    A missão dos taurinos será a de se esforçarem para abrirem seus caminhos, com firmeza e fé. Os nativos deste signo persistente contarão com Júpiter a seu favor, a partir de agosto; as taurinas viverão uma fase de grande fertilidade. As pessoas de Touro precisarão ainda aprender a negociar bem com clientes e parceiros, já que as finanças vão exigir mais controle ao longo ano.

  • Gêmeos

    Tornar a casa mais gostosa, melhorar as relações com familiares e resgatar antigos sonhos são as metas do geminiano em 2015. Júpiter alargará as perspectivas, promovendo também mais abundância financeira e viagens. Saturno em Sagitário propõe escolher, com muito rigor, as companhias e os amores. Por isso, o nativo de Gêmeos buscará a verdade ou terminará de vez uma relação desequilibrada.

  • Câncer

    Há duas missões importantes para o nativo de Câncer este ano: incorporar metas pessoais às profissionais e manter controle do tempo na vida cotidiana e no cuidado com a saúde. Até março, sob a tensão de Urano e Plutão, é importante focar nas ambições profissionais, mas ficar alerta à organização familiar.

  • Leão

    Não permitir que o medo seja uma camisa de força que impeça a alegria é o foco do leonino. A intenção é tentar colocar em pratica talentos e dons, iniciando algo novo e pessoal, que estimule a alegria e a consistência verdadeira ao presente. A partir de setembro, com melhora financeira prometida por Júpiter, será mais fácil para o nativo conseguir exercer toda a sua criatividade.

  • Virgem

    Criar um ambiente íntimo sólido e confiável, em que possa criar raízes e fornecer abrigo seguro às pessoas queridas é o grande objetivo neste ano. Os virginianos contam com o entusiasmo de Júpiter, a partir de setembro, que traz fé e autoconfiança. Com visão mais clara, aceitarão bem os desafios de Marte: melhorar a comunicação e equilibrar as finanças, tornando-se mais independentes.

  • Libra

    Urano e Plutão prometem tornar o cotidiano do libriano instável até março. No mesmo mês, o governo de Marte inspira o nativo de Libra a confrontar parcerias, clientela, cônjuge e associados. Podem haver rompimentos e a meta será a de confiar no que é justo, valendo-se do diálogo para esclarecer pontos de vista diferentes. Em setembro, Júpiter dá prosperidade e certeza interior de como seguir.

  • Escorpião

    Quem comandará o ano, a partir de março, é Marte, regente do signo: um bom sinal. Combativo e focado em resultados, o escorpiano terá fôlego para enfrentar as tensões do primeiro semestre com muita criatividade. O objetivo será organizar a vida prática e os rendimentos em novas bases, mais realistas e flexíveis. Júpiter ainda ajuda, desde setembro, a ampliar a visão de mundo.

  • Sagitário

    Saturno chega com força em Sagitário, impondo limitações aos desejos e restrições aos movimentos dos nativos. O desafio será estabelecer o que é prioridade e seguir um ritmo ordenado. Ser autêntico e focado tem preço; o sagitariano terá de filtrar o que o mundo cobra e escolher aquilo que vale a pena acatar. Júpiter facilitará a meta, ampliando as chances profissionais a partir de setembro.

  • Capricórnio

    Saturno em Sagitário marca a época de começar o balanço dos últimos 14 anos, período em que muita coisa mudou na vida do nativo. O intuito será o de resgatar sentidos e direções mais claros, que devem surgir com as avaliações que serão feitas. Júpiter distribui aos capricornianos proteção em dose dupla a partir de setembro, com novos sentidos espirituais à vida e viagens.

  • Aquário

    A missão do aquariano será reavaliar e ajustar seu relacionamento com amigos e associações, clubes ou entidades a que pertence. Algumas não passarão no rigoroso crivo que o nativo fará; outras permanecerão e se tornarão pontos fortes de apoio para o futuro. Júpiter muda de Leão para Virgem em setembro, protegendo as finanças e estimulando novas parcerias.

  • Peixes

    Saturno em Sagitário e Júpiter em Virgem dão o tom da maior meta do pisciano: ser relevante no plano profissional. As pessoas desse signo terão que dar seu melhor para fazer jus a uma carreira de respeito. Chefes e autoridades rigorosos exigirão mais. Júpiter, regente de Peixes, mostrará os parceiros certos para ajudar. Enfrente a vida, aceite desafios profissionais e prove do que é capaz.

Topo