Vídeos

Atualizada em 12.03.2015 14h29

Cromoterapia usa vibração das cores para harmonizar ambientes e pessoas

Getty Images
Cor do amor, o rosa é indicado para ambiente como salas de estudo e televisão imagem: Getty Images

Christina Queiroz

Do UOL, em São Paulo

Das paredes do escritório à iluminação do quarto das crianças, passando pela cor das roupas, a cromoterapia permite harmonizar e estimular ambientes e pessoas por meio do uso de cores adequadas a cada situação. Shirley Aiko Fonseca, terapeuta holística e diretora do Instituto Ave Lux, em São Paulo, explica que é possível utilizar a cromoterapia no cotidiano, por meio dos alimentos consumidos, de luzes e objetos coloridos sobre  a mesa de trabalho ou criado-mudo, com banhos de corantes e outros métodos. Segundo Shirley, um prato com alimentos coloridos ajuda a equilibrar as energias. “Se comemos muito verde, como é o caso de quem segue uma dieta, atraímos uma certa energia que gera descrétido nas coisas”, garante.

Outra técnica que pode ser adotada é mentalizar as cores, conforme ensina a terapeuta. “Sugiro que, em um momento de estresse, a pessoa feche os olhos e imagine uma luz azul clara em volta de sua aura”, detalha. Para tratamentos emocionais, imaginar a luz rosa e verde na altura do peito (no chakra cardíaco) influencia no alívio da tristeza e da ansiedade. De acordo com Shirley, para pensamentos negativos ou obsessivos, a cor violeta é a mais indicada, pois converte o negativo para o positivo ou queima o negativo. Neste caso, segundo a terapeuta, é bom imaginar uma luz violeta em volta da cabeça, ou um facho de luz direcionado ao meio da testa.

Propriedades gerais de cada cor
Amarelo
: tem a energia da alegria, do bom humor, bem-estar e da prosperidade. Ajuda na anorexia e pessoas com problemas no fígado.

Laranja: representa a felicidade, realização e o movimento. Indicada para quando a vida ou o dia parecem estar parados. Também é a cor do sexo.

Vermelho: coragem, vitalidade (cor do sangue) e ânimo. Em excesso, causa agitação e ansiedade.

Azul claro: calmante e tranquilizante. É boa para trazer serenidade. Em excesso, pode gerar melancolia. 

Azul escuro: força, vontade e autoritarismo.

Índigo (jeans): sonhar, ajudar ao próximo e também representa a modernidade.

Verde: saúde, cura, verdade, justiça, esperança e ecologia. Muito boa para médicos e advogados. Em excesso, pode causar sensações de hipocondria e sentimento de injustiça e descrétido.

Cromoterapia na decoração de ambientes
Izabel Cristina Guedes, fisioterapeuta holística da Clínica Arthys, no Rio de Janeiro, lembra que as paredes são protetoras e funcionam como um cofre que acumula informações de tudo o que vivemos. Por isso, cada cor do ambiente pode trazer benefícios específicos. Antes de pintar as paredes ou escolher objetos coloridos para decoração, no entanto, é preciso observar a personalidade de quem vai ocupar o quarto.

Amarelo: atrai dinheiro, concentração. É indicado para o escritório e para a sala de estudos.

Azul: tranquilizante, traz harmonia e paz. É indicado para quartos de crianças. 

Verde: representa a família. Pode ser usado em todos os cômodos da casa.

Roxo: meditação, equilíbrio. Pode ser usado no quarto. 

Vermelho: amor, energia, calor. Pode ser usado na sala de estar, na copa e na cozinha. Não é adequado para os quartos.

Rosa: cor do amor e da felicidade. Pode ser usado em salas de estudo e televisão.

Branco: cor da paz e da espiritualidade. Indicada para todos os cômodos da casa.

Na escolha das roupas
Segundo Vivien Bonicelli, cientista holística e radiestesista, no Rio de Janeiro, cada cor vibra em uma determinada frequência, ou seja, em uma velocidade diferente. Com isso, emite uma determinada vibração, que contém um conjunto de características. Ela afirma que a cor violeta é a única que possibilita a penetração da luz divina, ou seja, das energias mais evoluídas e puras. “Violeta é a única cor que penetra no escuro e o ilumina”, diz.  

Para paz de espírito
Use o branco cristalino (como se fosse um vidro, transparente) e o branco brilhante (exatamente a cor do sol).

Para amor, afeto, gentileza, carinho, ternura e delicadeza
Use as diversas nuances do rosa, o branco leitoso e o violeta.

Para equilíbrio emocional
Use o verde limão, além do branco cristalino.

Para pacificação (entre pessoas), casais, irmãos, famílias, lares e colegas de trabalho
Use o azul, o violeta e o branco brilhante.

Para união espiritual e casamento
Use todas as cores, começando com o violeta e depois o restante das cores do arco-íris, além do branco total.

Para superação de obstáculos materiais, ganhos e prosperidade
Use o violeta, amarelo e o dourado brilhante.

Para energizar a sexualidade
Use o vermelho intenso e o prata.

Para atrair boas energias para a saúde
Use tons claros de azul, verde e violeta.

Em tratamentos médicos
Terapia natural e complementar a tratamentos médicos, a cromoterapia também utiliza as vibrações eletromagnéticas das cores para ajudar pacientes na cura de doenças físicas e mentais.

No caso do tratamento de doenças, profissionais da área garantem que a cromoterapia pode ser utilizada para melhorar a resposta imunológica dos pacientes, cuidar de doenças inflamatórias, reduzir dores e febres, assim como tratar problemas de sono e depressão e acelerar o metabolismo. “Cada cor tem um comprimento e uma onda que, em contato com o corpo, emite uma vibração específica, fazendo-o reagir”, explica Michelly Eggert, professora do curso de graduação em Naturologia da Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo.

Na mesma linha de Michelly, Doris Wiegandt atua, em São Paulo, com cromopultura (que alia conhecimentos da cromoterapia aos da acumpultura) desde 1986. Ela conta que trata desde doenças simples, como gripes e alergias, até pacientes terminais, mas sempre de forma complementar aos cuidados médicos convencionais. “Em casos de doenças terminais, a cromopultura pode ser usada para dar mais qualidade de vida aos pacientes”, conclui a profissional.

Topo