Moda

6 peças que facilitam a vida de pessoas transgêneros durante a transição

Do UOL, em São Paulo

Quando se descobre transgênero, uma pessoa tem um longo caminho a seguir até adequar seu corpo ao gênero com o qual se identifica. Hormônios e intervenções cirúrgicas são os meios de ganhar formas mais femininas ou masculinas, mas estas mudanças são, muitas vezes, lentas. Assim, homens e mulheres trans lançam mãos de itens de moda para se sentir melhor com seu próprio corpo. O UOL consultou integrantes das comunidades transgêneros no Facebook e mostra seis peças que facilitam a vida das pessoas em transição.

  • Divulgação

    Sutiã com enchimento

    Muito usado por mulheres cisgêneros --que se identificam com o gênero de nascimento-- que têm seios pequenos, o sutiã com enchimento é um aliado também das trans que não colocaram próteses nas mamas. A peça é usada com algodão para aumentar os seios ou sozinha. Sutiã com bojo Wish da Loungerie. Preço: R$ 89,90. Informações: www.loungerie.com.br

    Imagem: Divulgação

  • Divulgação

    Cinta modeladora

    Além de diminuir a silhueta, as cintas modeladoras afinam a cintura das mulheres que ainda não passaram por intervenções cirúrgicas para deixar o corpo mais feminino. Espartilhos e corsets também são usados para conseguir o efeito. Calcinha modeladora Loba Slim, da Lupo. Preço: R$ 44,90. Informações: www.lupostore.com.br

    Imagem: Divulgação

  • Divulgação

    Bundex

    A calcinha com enchimento nas nádegas ajuda mulheres em transição de gênero a ganhar formas mais femininas. O modelo, produzido por diversas marcas de lingerie, ajuda a empinar o bumbum e a deixá-lo um pouco maior. Calcinha com enchimento bolha da Christian Gray, à venda no site Posthaus. Preço: R$ 42,99. Informações: www.posthaus.com.br

    Imagem: Divulgação

  • Divulgação/Facebook

    Calcinha "truqueira"

    Na transição, um dos maiores sufocos da mulher transgênero é encontrar uma calcinha que consiga disfarçar o volume da genitália masculina. A peça precisa ter mais espaço na parte frontal e não ser muito elástica, além de ter tiras confortáveis. As costureiras Tereza e Cris Cabana criaram modelos especiais para esta parcela da população feminina. O conjunto de quatro calcinhas custa R$ 100. Informações: www.facebook.com/criseterezacabana

    Imagem: Divulgação/Facebook

  • Divulgação

    Cueca especial

    Se ainda não estão tomando hormônios, homens transgêneros continuam a ter período menstrual e usar uma calcinha "naqueles dias" é um sufoco que eles abominam. Por isso, é necessário a ajuda de cuecas especiais como a criada pela marca Thinx, que absorve a menstruação. Há, ainda, costureiros que fazem cuecas que acomodam absorvente externo ou que tenham um volume na parte frontal. Preço: US$ 34 (cerca de R$ 120). Informações: www.shethinx.com

    Imagem: Divulgação

  • Divulgação

    Binder

    Os homens transgêneros deixaram as faixas de lado para adotar o colete de compressão batizado como binder. Como é feito em elastano e poliéster especificamente para comprimir as mamas, o colete é mais higiênico e não interfere na pressão do tórax. A maior parte dos trans homens importa o acessório em sites como o Aliexpress, mas há pessoas que aprendem a fazer o colete e o vendem sob encomenda por cerca de R$ 30. Preço: R$ 89,30. Informações: www.aliexpress.com

    Imagem: Divulgação

Topo