Moda

Estilista colombiano Esteban Cortázar deixa a maison Ungaro

PARIS, 23 Jul 2009 (AFP) - O colombiano Esteban Cortázar, estilista das coleções femininas da Emanuel Ungaro desde novembro de 2007, deixou de trabalhar para a marca, anunciou a própria maison nesta quinta-feira.

  • Reuters

    O estilista Esteban Cortazar no fim do desfile da maison Emanuel Ungaro em 2008

"A Emanuel Ungaro SAS e Esteban Cortázar decidiram de comum acordo terminar com sua colaboração", diz o comunicado, acrescentando que a marca vai "anunciar posteriormente o nome do novo estilista de sua linha feminina" que vai substituir Cortázar.

Esteban Cortázar, de 24 anos, foi nomeado estilista da linha feminina da maison Ungaro em novembro de 2007, e desfilou sua primeira coleção para a marca em fevereiro de 2008. Nascido em Bogotá, Cortázar tem dupla nacionalidade, colombiana e britânica. Considerado o menino prodígio da moda, apresentou sua primeira coleção com marca própria em 2003, em Nova York.

Mounir Moufarrige, presidente da Ungaro, afirmou ao contratá-lo que recorreu a Esteban Cortázar porque desejava um "choque elétrico" para rejuvenecer a linha feminina da marca, por cuja direção artística passaram três estilistas desde a aposentadoria de Emanuel Ungaro, em 2005. Cortázar é agora o quarto membro desta lista.

A maison Ungaro, fundada em 1965, é propriedade do fundo de investimentos americano AIMZ.
Topo