Moda

Novo diretor artístico da Lacoste apresenta em Nova York sua coleção 2012

Getty Images
Modelo desfila criação de Felipe Oliveira Baptista para o verão 2012 da Lacoste na Semana de Moda de Nova York (10/9/2011) imagem: Getty Images

O famoso crocodilo está mais discreto, misturado à seda e com um toque de couro de muita elegância. Assim foi a passarela da coleção primavera 2012 da Lacoste no fim de semana da Semana de Moda de Nova York, a primeira do novo diretor artístico da marca, Felipe Oliveira Baptista.

Após o desfile, realizado no sábado no famoso evento de moda nova-iorquino, o estilista português de 36 anos explicou sorridente aos jornalistas e especialistas da indústria a visão de uma mulher "enérgica, casual e chique" que inspirou suas criações.

René Lacoste, o tenista e empresário francês que fundou este império da moda em 1933, "foi um visionário", disse Oliveira à AFP. "Foi muito fácil e evidente para mim" criar este "novo look para o futuro", acrescentou.

Lacoste, a empresa francesa que inventou a camisa polo e hoje tem 1.200 lojas em todo o mundo, está cada vez mais concentrada em captar uma clientela feminina. As mulheres "representam 80% de nossos clientes, mas somente 20% de nossa receita", disse o CEO da Lacoste, Christophe Chenut, que estava em Nova York para assistir ao desfile. As mulheres vão às lojas para comprar roupas, principalmente para os homens, disse Chenut. "Nosso grande objetivo estratégico para 2012 é alcançar as mulheres", acrescentou.

Muitos modelos homens desfilaram para a Lacoste, mas foram mesmo as modelos mulheres as estrelas do espetáculo. A icônica camiseta polo reapareceu maior, como um vestido-camisa de modelagem ampla e saia curta, acompanhada por looks com minishorts e volumosos casacos impermeáveis com capuz ou vestidos fluidos de cores fortes com abotoamento nas costas.

Nesta nova coleção, o algodão se uniu à seda, dando origem a ponchos leves, enquanto as blusas de seda se mostravam dramaticamente luxuosas e modernas, com desenhos geométricos amarelos sobre azul marinho. A maquiagem delicada de apenas maçãs do rosto destacadas, cabelos lisos e naturais, sandálias de couro e óculos escuros completavam o look despojado e chique da Lacoste.

Aproximadamente um terço dos 1.200 convidados para o evento eram da imprensa especializada em moda da Ásia, confirmando a informação de que a Lacoste está apostando forte neste mercado em ascensão.

  • Getty Images

    Modelos desfilam coleção masculina do estilista Tommy Hilfiger para o verão 2012 durante a Semana de Moda de Nova York (9/9/2011)

Outro rei da roupa esportiva, Tommy Hilfiger, apresentou sua nova coleção também no final de semana.

Modelos impecavelmente belos mostraram camisas polos e suéteres de caxemira camuflados, com calças de listras largas e gabardines de couro amarelo: esta foi a última interpretação de Hilfiger para o estudante de bom gosto e estilo esportivo. A modelagem era perfeita, combinando com grandes shopping bags de tirar finas, sandálias e mocassins de salto alto de madeira e tiras de vinil. Tudo muito esportivo, fresco e bronzeado.

O grande evento de moda de Nova York não parou no domingo, 10º aniversário dos ataques terroristas de 11 de setembro de 2001. Enquanto uma cerimônia solene acontecia com o primeiro encontro entre o presidente Barack Obama e seu antecessor George W. Bush, Victoria Beckham, que chegou à Big Apple com sua filha Harper, de apenas dois meses, abria os desfiles do dia com a apresentação de sua coleção na Biblioteca Pública de Nova York.

A fashionista Victoria trouxe para a passarela vestidos e casacos de linhas retas e simples, muitos em azul marinho, laranja e um tom pastel de coral. Diferentemente de sua criadora, a marca investiu em sandálias baixas de tiras largas nos tornozelos, boinas de cores pastéis e bolsas médias. Tons de branco e azul celeste fizeram a diferença e trouxeram um vento de frescor a um dia tão difícil para os americanos.

Topo