Moda

Após 16 anos, Marc Jacobs deixa a Louis Vuitton

 Benoit Tessier/Reuters
2.out.2013 - Marc Jacobs ao fim de seu último desfile como diretor artístico da Louis Vuitton. A saída do estilista após 16 anos na marca foi confirmada nesta quarta pelo presidente do grupo LVMH, Bernard Arnault imagem: Benoit Tessier/Reuters

De Paris

O presidente do grupo de luxo LVMH, Bernard Arnault, confirmou nesta quarta-feira (02) ao jornal americano Women's Wear Daily (WWD) que o estilista Marc Jacobs deixará a marca Louis Vuitton.

O americano Jacobs, que apresenta nesta quarta-feira sua última coleção, trabalhava há 16 anos para a Louis Vuitton, marca que pertence ao grupo LVMH.


A informação foi confirmada ao WWD por Marc Jacobs e seu sócio Robert Duffy.

Marc Jacobs deixa a Vuitton para dedicar-se aos próprios negócios e está preparando a entrada na Bolsa de sua própria marca, segundo o "WWD".

A marca de Jacobs pertence, em conjunto, a LVMH, Robert Duffy e ao estilista.

O sucessor de Marc Jacobs ainda não foi anunciado, mas o nome mais cogitado é o de Nicolas Ghesquière, que deixou a Balenciaga (grupo Kering) em novembro de 2012, após 15 anos de colaboração.

Topo