Moda

Criminoso fez disparo de escopeta em roubo a Tiffany

São Paulo - Oito homens fortemente armados invadiram ontem à tarde a joalheria Tiffany & Co. do Shopping Cidade Jardim, no Morumbi, zona sul de São Paulo, levando anéis, pulseiras, brincos e outras joias. Na fuga, um dos criminosos fez um disparo de escopeta. O tiro atingiu a parede do shopping e levou pânico a frequentadores. Um vigia da loja foi levado como refém, mas acabou libertado. Ninguém foi preso.

 

O grupo chegou ao shopping às 15h20, pelo acesso da Avenida Magalhães de Castro (pista local da Marginal do Pinheiros) reservado ao serviço de manobrista. Os criminosos estavam em dois carros - um Gol cinza e um Golf preto. De dentro dos veículos desceram seis deles, que anunciaram o assalto e imediatamente se dirigiram para a loja, localizada no mesmo piso.

 

A ação durou três minutos. Foram rendidos o gerente da Tiffany Arthur Silva Barros, duas vendedoras, uma copeira e um segurança da loja. Segundo a Polícia Militar, as vítimas não sofreram agressões físicas, apenas verbais. Elas foram obrigadas a abrir as vitrines, retirar as peças e entregá-las aos criminosos. Um colar de diamantes da Tiffany chega a custar R$ 300 mil.

 

Ao perceber que a loja estava sendo assaltada, uma vigilante do Cidade Jardim acionou a campainha que alerta a central de segurança do shopping. Nesses casos, disse à reportagem um integrante da equipe de segurança, a orientação é para que os vigias não reajam. O efetivo que circula no interior do shopping trabalha desarmado. O único homem armado, que fica nas docas (armazéns) do shopping com um revólver calibre 38, chegou a se colocar em posição de tiro para tentar impedir a fuga, mas recuou ao ver que os bandidos tinham armas de grosso calibre - fuzil, submetralhadora, escopeta calibre 12 e pistolas.

 

Os dois veículos usados na fuga foram abandonados no Brooklin, perto da Ponte Estaiada Octavio Frias de Oliveira. O refém foi deixado na mesma região, sem ferimentos. As câmeras do circuito interno de TV registraram todo o assalto. A polícia acredita que o vídeo possa ajudar na identificação dos ladrões.

 

Nota

Em nota conjunta distribuída à imprensa, a administração do Shopping Cidade Jardim e a Tiffany confirmaram o assalto. O texto assinala que ninguém ficou ferido, informa que a loja retomará suas atividades hoje e manifesta confiança no trabalho da polícia. "O caso foi entregue às autoridades e acreditamos na capacidade da polícia de elucidá-lo o quanto antes." As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Topo